A Rede de Esgotos do Rio de Janeiro

Página 24 de 28 Anterior  1 ... 13 ... 23, 24, 25, 26, 27, 28  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Andreas - Hans - Henry

Mensagem  Andreas Petrev em Qua Abr 20, 2016 3:53 pm

Depois de dar as informações que henry desejava, Hans então o questiona qual era seu nome e qual era seu clã. Realmente tinha cometido um erro em não se apresentar primeiro e percebendo isso ele estende sua mão para cumprimentar o Nosferatu.

-Desculpe senhor Maus. Na ânsia de agradecê-lo eu acabei deixando as apresentações de lado. Andreas Petrev, Tremere.

E então percebe o cartão estendido para si com o nome de Wolfgang.

-Wolfgang?

E abriu um sorriso educado.

_________________
Carisma: 3
Aparência: 2
Altura: 1,80
Peso: 75 quilos
Idade Aparente: 40 anos
avatar
Andreas Petrev

Mensagens : 77
Data de inscrição : 24/06/2015

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Henry / Andreas / Hans / Emilie / + toda a vampirada

Mensagem  Henry Lee Sung em Qua Abr 20, 2016 5:17 pm

Enquanto esperava e observa a rata se fazendo estar tranqüilo, ouve o nosferatu questionar Andreas quanto a ele passar o número dele de celular e em seguida, após proferir uma expressão que o coreano reconhecia a sonoridade como alemão, mas não fazia ideia de seu significado questionava o clã de Andreas e depois seguia falando que apenas conhecia, Vincente, Emilie e ele. Seguindo logo de uma questão não muito delicada sobre sua forma de agir.
-Apenas mantenho a polidez e gentileza que se pede em reuniões sociais...
Respondeu de forma delicada enquanto recebia o seu celular de volta de Andreas, observando a mensagem que ele escrevera. E então digita mais alguns textos no celular e volta a observar os dois homens altos a sua frente e fala se dirigindo mais a Andreas.
- Agradeço o contato e atenção. Desculpe interromper a conversar dos senhores – faz um aceno com a cabeça – E, por favor, enquanto vou conseguir alguns outros contatos, poderia fazer a gentileza em sua interação social, de explicar um pouco mais de nossa situação aqui para o nosso anfitrião e salvador.
Sorri de forma gentil e carismática.
-Com licença e desculpe o incomodo... E belo espécime o senhor tem como animal de estimação.
Elogia a rata do ombro do nosferato e então se retira deixando os dois conversarem, esperando que Andreas tenha entendido o pedido dele e segue com seu andar discreto até Emilie.
- Mademoiselle Blanc. Sei que está numa ligação, e me perdoe interrompê-la mas devidos a situações que estamos agora pós ataque, gostaria de ter o contato da senhorita. Se importaria de disponibilizar seu contato aqui?
Oferece a Emilie seu celular, já tendo na tela uma mensagem que havia escrito anteriormente, enquanto ainda conversava com Andreas. (mensagem enviada a jogadora e narrador por facebook)
Então aguarda que ela responda lhe dando um gentil sorriso.

_________________
Carisma: 5
Aparência: 5
Idade Aparente: 17 anos
Altura: 1,65 m
Peso: 55 kg
avatar
Henry Lee Sung

Mensagens : 133
Data de inscrição : 10/03/2015

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Rede de Esgotos do Rio de Janeiro

Mensagem  Hans Schneider em Qua Abr 20, 2016 8:14 pm

Coço minha cabeça meio confuso com o rapaz e assim que ele se afasta comento comigo mesmo.

- Reuniões sociais? Existe algum tipo de erva asiática que eu não conheça que faz eles se portarem assim? Eu os guiei para aqui, é o meu cafofo, não sou a Príncipe ou o Carlent, agir com tanta pompa é desnecessário e feio, esse comportamento é uma mentira... a menos que ele goste de ser considerado secretario, que pena, bonito desse jeito, tenho certeza que tinha mais chances. -

O comentário é em baixo tom e bastante pesaroso, eu olho para Henry e é meio difícil pensar uma pessoa estar condenando sua vida a ser subalterno de alguém, ainda mais se tem a graça da boa aparência ao seu claro favor, a menos que seja uma mentira, sempre é...

Dou uma batidinha de leve com as "costas" da mão no ombro do homem (Andreas) de forma descontraída.  

- Agora é sério, eu sou... bem, eu sou o anfitrião, não é? Então é uma ordem, relaxem, vocês passaram por um "perrengue", Mein Gotten, haha, acalmem-se. -

Pego meu celular e ligo o Bluetooth na tentativa de buscar os celulares no ambiente em que estão ativados também. (Procurar celulares ativos)

_________________
Hans Schneider
Aparência: 0
Altura: 1,93 Mt - Peso 80,0 Kg
Idade Aparente (Deformado): 24 Anos
Carisma: 4 (Genialidade)
Características Marcantes: Sotaque Alemão, Altura e a Companhia de Ratos.  
avatar
Hans Schneider

Mensagens : 17
Data de inscrição : 16/02/2016
Idade : 95

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Emilie - Todos

Mensagem  Emilie Blanc em Qui Abr 21, 2016 2:13 am

Emilie ficou um tanto incomodada com a falta de privacidade no local, mas respode da melhor forma possível.
- Estou nos esgotos, fomos resgatados por um nosferatus... - segue em um tom mais grave - eu estava lá, tentando lutar de volta. Você tem mais informações?

Espera Terry responder sem deixar de observar o que acontecia ao entorno. A príncipe aparentemente havia sobrevivido e pretendia que todos ficassem ali... sabe-se lá até quando. Faz um aceno de aprovação para Hans depois que ele se apresenta.

Fica meio atrapalhada quando Henry lhe pede o número dela, mas tenta fazer o possível para pegar o aparelho dele e digitar seu número. Só então percebe a mensagem. Tenta conter sua reação alarmada, e lança brevemente um olhar discreto a seu redor.

Então, com uma mão só, ela vai digitando ao celular.

_________________
Aparência: 5 (Rosto de bebê)
Carisma: 5
avatar
Emilie Blanc

Mensagens : 433
Data de inscrição : 02/09/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Sophia - Galera no Esgoto

Mensagem  Sophia Mckee em Qui Abr 21, 2016 12:34 pm


Sophia percebia que alguém não era muito sociável, o que não era exatamente um problema. Quase não havia sinais de seu ferimento, de forma que ela novamente usa mais do seu sangue para terminar de se curar:

- Aí pessoal, alguém sabe como ficaram as apresentações que estavam marcadas pra última noite?

Sophia pergunta para todos os presentes no local.

OFF: Usar 1 Ponto de Sangue para recuperar 1 Nível de Vitalidade.

_________________


Aparência: 5
Carisma: 5
Idade Aparente: Entre 28 e 30 anos

Legenda: - "Falas" | * Pensamentos *

avatar
Sophia Mckee

Mensagens : 44
Data de inscrição : 25/05/2015

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

[Em algum lugar dos Esgotos cariocas]

Mensagem  Lázaro em Sex Abr 22, 2016 4:14 am

Interações com The survivers.

Permanecia em silêncio vendo aqueles Membros manipularem seus objetos de comunicação. Aquilo lhe era muito esquisito, pequeno. Parecia ser perigoso demais! Mas Lázaro mantinha a calma, olhando fixamente para um ponto no além. A atenção dele só é chamada quando um dos Membros cita Lampião em sua conversa com o nada. Provavelmente era um Brujah, companheiro de clã do ancião cangaceiro. Talvez ele soubesse onde estava o danado do rei do cangaço. Conversaria com ele depois.

Restava-lhe, ficar de molho ali, farejando aquele ar pútrido, na presença daqueles desconhecidos.
_____________________________________________________
.

_________________
avatar
Lázaro

Mensagens : 66
Data de inscrição : 04/05/2015

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

François Carlent | Linda Wilson - Christopher Lupinatti

Mensagem  Narrador em Sex Abr 22, 2016 10:19 am

Lupinatti se retira do corredor e nota que uma figura encapuzada o esperava no final do corredor. A figura nada diz, apenas começa a guiar o Tremere por uma infinidade de corredores nos esgotos até que o feiticeiro chega numa câmara ampla, com três grandes cadeiras, onde duas eram ocupadas por François Carlent e Linda Wilson.
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 5110
Data de inscrição : 27/01/2013
Idade : 34
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário http://segredosdoapocalipse.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Uther Bergmann - Stevie Lee Armstrong

Mensagem  Narrador em Sex Abr 22, 2016 10:20 am

Uther responde Stevie:

'- Fillipi está desaparecido. Lampião está gravemente ferido, mas vivo. Precisamos juntar o clã e pensar o que faremos. A cidade está por um fio, Stevie.'
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 5110
Data de inscrição : 27/01/2013
Idade : 34
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário http://segredosdoapocalipse.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Terry Constantine - Emilie Blanc

Mensagem  Narrador em Sex Abr 22, 2016 10:22 am

Terry comenta em resposta à Emilie:

'- O que tenho são péssimas notícias. A FESN vai assumir o controle político da cidade e uma verdadeira caça às bruxas está prestes a começar. Estamos prestes a viver uma nova Inquisição, Emilie... uma nova Inquisição.'
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 5110
Data de inscrição : 27/01/2013
Idade : 34
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário http://segredosdoapocalipse.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Rede de Esgotos do Rio de Janeiro

Mensagem  Mansur Al Rashid em Sab Abr 23, 2016 2:09 am

Na hora que o assamita iria responder a pergunta de seu irmão, eles foram interrompidos por um membro que aparentemente havia sido massacrado no campo de batalha e quase encontrou a morte final.

Rashid houve a pergunta a ele dirigida e de pronto responde:


- Sou Mansur. Pelo visto, vocês tiveram uma noite e tanto, não é mesmo? Creio que se os reforços não tivessem chegado, além da generosidade desse nosferatu, provavelmente não estaríamos conversando hoje, não é mesmo?

- Conte-nos. O que realmente houve? Como vocês foram atacados com tamanha violência?


O filho de Haquim realmente estava curioso. Os campos de batalha eram o seu lar. Mas havia também um óbvio objetivo oculto de não ter que dar mais informações do que o necessário para um membro desconhecido. Especialmente, um membro da Camarilla.
avatar
Mansur Al Rashid

Mensagens : 38
Data de inscrição : 25/06/2015

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Stevie - Uther/Todos

Mensagem  Stevie Armstrong em Seg Abr 25, 2016 1:40 am

A conversa na sala parecia se desenvolver, inclusive, um dos homens desconhecidos se pronuncia, mas tinha que responder Uther, e logo diz.

"- Vou juntar quem eu encontrar e me encontrar contigo, o Gangrel que fui atrás ontem está aqui, talvez consiga levá-lo também. Me mande uma mensagem com o lugar que podemos nos encontrar, em uma hora estarei ai."

Tinha o problema dos membros desconhecidos, a moça que ele desconhecia também se pronuncia. Ela era muito bela e carismática, gostaria de conhecer todos logo, afinal, ela podia ser uma traidora. Assim que desliga o telefone, ainda aguardando a resposta de Uther, Stevie se levanta do banco do piano e se dirige à Sophie, porém, de olho em Mansur, que acabara de se apresentar.

Assim que chega perto de Sophie, estende sua mão à ela e diz.

"- Stevie Armstrong, Primógeno Brujah. Acredito que a Príncipe esteja muito ocupada para isso, e o Xerife está desaparecido."

_________________
Carisma: 5
Aparência: 5
Voz Encantadora
Rubor Sanguíneo
avatar
Stevie Armstrong

Mensagens : 237
Data de inscrição : 16/03/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Henry / Vinvent / Emilie / Stevie / Sophia / Bruno / toda a vampirada!

Mensagem  Henry Lee Sung em Seg Abr 25, 2016 3:32 am

Henry sorri para Emilie e pega seu celular de volta observando a mensagem que ela deixara escrita.
- Agradeço o contato Mademoiselle Blanc. Espero que num outro momento,mais tranqüilo, possamos ter um pouco de diversão juntos e possa eu lhe ofertar a prometida música no violino. Com licença.
Faz uma pequena reverência a ela, de forma a deixar que a garota pudesse falar tranqüila ao telefone e sai.
Volta então a caminhar de forma discreta e lenta para perto do Piano, era quase como um local favorito naquela sala. E então escreve uma mensagem em seu celular que é enviada ao número de celular de seu primógeno. (enviada por facebook ao jogador e narrador)
Lá fica a observar com expressão neutra, como alguém apenas entediado em buscar de ver algo interessante, a interação de Stevie com Sophia e de Vincent, passando o olho claro sobre o sempre divertido Bruno. Vê Stevie sair do banco do piano e fica tentando a sentar lá e tocar algo, mas não seria aquele um bom momento.

_________________
Carisma: 5
Aparência: 5
Idade Aparente: 17 anos
Altura: 1,65 m
Peso: 55 kg
avatar
Henry Lee Sung

Mensagens : 133
Data de inscrição : 10/03/2015

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Lupinatti - Carlent / Linda

Mensagem  Lupinatti em Seg Abr 25, 2016 7:45 am

Lupinatti se depara com a estranha figura sem se preocupar por identifica-la, mas assim que o Nosferatu começa a andar ele passa a segui-lo pelos tuneis.

Finalmente os dois chegam até uma sala onde haviam duas cadeiras ocupadas e uma sobrando para ele. Lupinatti cumprimenta Carlent e Linda com um aceno de cabeça e diz para os dois enquanto se senta:

- Foi o Sabá ou a Aliança Independente que nos atacaram?

A pergunta parecia a mais certa para o Tremere, uma vez que questiona-los se sabiam quem havia feito aquilo poderia ofender os Nosferatus com o assunto que é seu principal ganha-pão: informação.

_________________
Christopher Lupinatti - Tremere - 7ª Geração
Aparência: 3
Idade Aparente: 32 anos
Altura: 1,75m
Peso: 75kg
Qualidades Notáveis: Voz Encantadora
Prestigio do Clã: 7
Status na Camarilla: 2
avatar
Lupinatti

Mensagens : 186
Data de inscrição : 26/10/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Rede de Esgotos do Rio de Janeiro

Mensagem  Hans Schneider em Seg Abr 25, 2016 9:48 am

Como de esperado os Vampiros se puseram a tentar resolver os seus problemas... e isso estava tedioso demais e graças a essa situação só comprovava a minha teoria de que eu devia ser um péssimo Nosferatu, sério, muito ruim, eu não havia nascido para isso e acho que foi uma put* sacanagem, mas fazer o que? Se a vida lhe da limões... bem, você tem que esfregar os limões na cara da vida.

Olho para Andreas, mas antes que ele pudesse falar algo me desencosto da parede a avanço um pouco próximo do rapaz asiático, Henry.

- Mais de uma vez você olhou para o meu piano e mesmo achando que você não tem alma, ouso dizer que vi um brilho no seu olhar, mas tu observa o meu instrumento musical meio que com canto de olho... como um segredo obsceno, como uma garota puritana que observa o corpo de um belo homem pela primeira vez. -

É óbvio que falo isso um pouco provocativo, sei também que graças a minha aparência é  quase impossível que ele percebesse o teor de 'sensualidade' que eu, como Nosferatu, seria capaz de fazer com a fala, mas era apenas uma tentativa para quebrar a tensão.

- É sério, pode tocar o piano, ele não morde e eu não me importo, não precisa se apresentar freneticamente como o seu "povo" tem mania quando fica perante a arte, mas pelo menos ter um contato, parece que vai explodir se não fizer, bem... eu acho... -

Falo dando um sorriso torto mesclando minha fala voltada a ele e as vezes voltada a mim mesmo, no fim da frase Behavior da um leve guinchado, quase inaudível, se agarra na gola do meu sobretudo e muda de ombro observando a todos com certa paranoia enquanto eu me aproximava do instrumento e o observava passando a mão em certas partes tirando certos focos de poeira.

_________________
Hans Schneider
Aparência: 0
Altura: 1,93 Mt - Peso 80,0 Kg
Idade Aparente (Deformado): 24 Anos
Carisma: 4 (Genialidade)
Características Marcantes: Sotaque Alemão, Altura e a Companhia de Ratos.  
avatar
Hans Schneider

Mensagens : 17
Data de inscrição : 16/02/2016
Idade : 95

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Narração - Stevie Lee Armstrong

Mensagem  Narrador em Seg Abr 25, 2016 2:35 pm

Depois de encerrada a ligação com Uther, Stevie recebe uma SMS dizendo que ele e Lampião estão na Feira de São Cristóvão.
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 5110
Data de inscrição : 27/01/2013
Idade : 34
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário http://segredosdoapocalipse.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

François Carlent | Linda Wilson - Christopher Lupinatti

Mensagem  Narrador em Seg Abr 25, 2016 2:41 pm

François Carlent, responde:

'- O Sabá, com suporte da Aliança Independente.'

Era visível o quanto o Nosferatu parecia irritado. Linda Wilson também não parecia muito satisfeita e a Príncipe diz:


'- A situação na cidade está completamente fora de controle e precisamos dar uma resposta à altura. Algum dos nossos inimigos tem que cair pelas nossas mãos. Isso é urgente. Qual o tamanho do poder de fogo do Clã Tremere nessa cidade?'
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 5110
Data de inscrição : 27/01/2013
Idade : 34
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário http://segredosdoapocalipse.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Henry / Andreas / Hans / + toda a vampirada

Mensagem  Henry Lee Sung em Seg Abr 25, 2016 5:40 pm

Estava no meu momento de observação, esperando as seguintes ações de seu Primógeno, quando o nosferatu se aproxima dele. Henry já está mais tranqüilo havia feito a troca de informações que precisava, logo não seria um problema dar atenção ao anfitrião, inclusive seria indelicado não dar.
O comentário do nosferatu diverte o garoto, algo da forma solta do rato de esgoto o fazia apreciar, mesmo achando ele bastante indelicado em vário momentos e comentário, mas era questão de aprendizado dele de medir palavras e momentos.
Com uma expressão neutra ele se aproxima do homem alto falando bem baixo apenas para ele ouvir.
- Não são apenas as garotas que podem apreciar um belo corpo masculino... – por um instante apresenta ao vampiro que conversa uma cara de garoto arteiro.
Afasta-se um pouco voltando a falar e se apresentar em tom normal e formal.
- Agradeço que me permita utilizar o seu piano. Eu realmente prefiro ter a permissão antes de mexer nas propriedades alheias, assim como espero que não mexam nas minhas sem que eu permita. – por costume faz como se estivesse suspirando – Seu piano está plenamente afinado. O que me leva a crer que você o toque também e entenda de música... – sorriu ao nosferatu com sinceridade que não mostrara antes - Música me relaxa, é minha busca e ouso dizer, minha alma... Adoraria brincar um pouco seu piano. Mas seria brincar mesmo, sei pouco de piano, mas meu instrumento mesmo é o violino. Logo não faria nada muito interessante ou complexo ao piano... E não gostaria de com o som atrapalhar as conversar das pessoas ao telefone...
Para por um instante pensando enquanto desvia o olhar do homem alto e observa o piano e vontades e pensamentos lhe correm a mente.
- Muito Bem, aceitarei o convite, afinal... - diminui de novo o tom de voz e da um risinho enquanto fala - ...seria altamente inconveniente explodir neste local e dar trabalho ao anfitrião.
Toma o acento no banquinho onde estaca Stevie, de forma rápida e quase infantil, como uma criança num parque de diversão correndo para tomar o acento no carrossel. Então dedilha algumas teclas e notas, sentindo o som do piano e se preparando para o tocar de verdade. Esperava que Andreas se aproximasse deles e aproveitasse o som, gerando discrição, para assim poder dar com mais tranquilidade ao anfitrião as informações sobre a situação dos clãs ali, como pedira antes.
Dá início então após ouvir  e sentir o piano nas primeiras teclas tocadas a uma melodia de verdade, como piano não era o instrumento que se sentia mais confortável, resolveu tocar algo mais simples e cadencia mais lenta, o Canon D.


----------------------
OFF:
Pedido a moderação a rolagem de dados sobre essa apresentação de piano XD


Última edição por Henry Lee Sung em Ter Abr 26, 2016 3:39 pm, editado 1 vez(es)

_________________
Carisma: 5
Aparência: 5
Idade Aparente: 17 anos
Altura: 1,65 m
Peso: 55 kg
avatar
Henry Lee Sung

Mensagens : 133
Data de inscrição : 10/03/2015

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Kazak - Rashid - Vicent - Bruno

Mensagem  Kazak em Seg Abr 25, 2016 6:48 pm

Kazak ainda tentava obter o mínimo de informações sobre a última noite quando um estranho se aproxima dele e de seu irmão de clã. O homem não tinha o maxilar e usava o celular para se comunicar com a dupla. Ele digita algo e estende o celular para que possa ser lido pelos assamitas. Kazak exita por alguns segundo permanecendo com seu olhar focado no semblante do estranho tentando perceber as reais intenções daquilo tudo. Kazak processava as várias possibilidades presentes naquele ambiente para medir qual seria a ação adequada. Então um ser estranho e gordo se aproxima falando um dialeto que o russo tinha dificuldade para entender.

Kazak observa o balofo até que Rashid se adianta e responde ao estranho fazendo com que Kazak abra um quase imperceptível sorriso na tentativa de ser simpático.

"- Me chamo Kazak. É um prazer conhecê-lo Senhores."

Pelas ações o gordo era amigo do homem sem queixo. Já as dúvidas que o Assamita tinha foram colocadas por seu irmão e ele optara por esperar a resposta.

_________________
"ou se é o caçador, ou a caça"

Guerreiro despojado
Carisma: 1
Aparência: 2
avatar
Kazak

Mensagens : 37
Data de inscrição : 22/06/2015

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Bruno - Vicent - Rashid - Kazak

Mensagem  Bruno Modenesi em Seg Abr 25, 2016 7:09 pm

Bruno demonstrava sua preocupação com a situação de seu primogeno e recebe dele a palma da mão. De bate pronto o bicheiro dispara:

“- Chega batendo!” – e dispara um tapa na palma da mão de Vicent, fechando o punho e esperando que o primogeno termine o cumprimento.

Depois disso ele se vira para a dupla de estranhos e com a sutileza que lhe é peculiar comenta:

“- Fala ae Seu Jorge!” – diz o bicheiro sorrindo para Rashid e estendendo a mão para um aperto.

O toreador gordinho estava esfarrapado, com um pedaço da barriga a mostra pela falta de alguns botões na camisa, os cabelos desgrenhados e  apenas um dos pés permanecia calçado num sapato que na outra encarnação teria sido branco, mantendo certa presença acompanhada pelo agradável timbre de sua voz.

Depois disso Bruno se volta para Kazak e completa:

"- E tu, Kazak..." - repete o gesto feito para Rashid - "... Conta tua história!"

_________________
Aparência: 2
Carisma: 5
Voz Encantadora
Vulgar

"O tempo ruge e a Sapucaí é grande"
avatar
Bruno Modenesi

Mensagens : 155
Data de inscrição : 13/04/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Lupinatti - Linda / Carlent

Mensagem  Lupinatti em Seg Abr 25, 2016 8:52 pm

O resposta de Carlent faz Lupinatti congelar por um instante antes de sentar na cadeira e encarar o Nosferatu com um semblante de preocupação. O ancião Tremere ouve a pergunta da Príncipe e pensa no que ela disse.

Depois de alguns segundos de reflexão Lupinatti responde enquanto inclina o corpo para frente e coloca os cotovelos sobre os joelhos:

- Recentemente adquirimos uma nova arma que pretendia usar contra os lobisomens que atacaram minha Capela. Ela destrói a ligação deles com o mundo espiritual que eles podem transitar. Eles chamam este lugar de Umbra. Com as modificações certas, posso fazer com que ela não só quebre a ligação, mas mate tudo que estiver na área pelos dois planos...

Lupinatti faz uma pausa e questiona:

- Isso é... Se este for o interesse de nossa Príncipe. Quanto a poder bruto, se me disser onde e quem quer destruir, posso providenciar o que for preciso.

_________________
Christopher Lupinatti - Tremere - 7ª Geração
Aparência: 3
Idade Aparente: 32 anos
Altura: 1,75m
Peso: 75kg
Qualidades Notáveis: Voz Encantadora
Prestigio do Clã: 7
Status na Camarilla: 2
avatar
Lupinatti

Mensagens : 186
Data de inscrição : 26/10/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Emilie - Celular

Mensagem  Emilie Blanc em Seg Abr 25, 2016 11:08 pm

Emilie apenas acena para Henry, dando-lhe um sorriso nervoso, para então se afastar, concentrando-se em sua conversa com Terry.

- Minha nossa! Precisamos de um plano de ação para isso. A príncipe sobreviveu, ela deve estar com um dos tremere neste momento.

_________________
Aparência: 5 (Rosto de bebê)
Carisma: 5
avatar
Emilie Blanc

Mensagens : 433
Data de inscrição : 02/09/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Vincent - Kazak - Mansur - Bruno

Mensagem  Vincent Lyon em Ter Abr 26, 2016 9:40 am

Um dos homens abordados por Vincent o responde. Vincent queria sorrir, mas era impossível. Ouviu as perguntas que eles faziam e ele digitou rapidamente no celular uma mensagem e mostrou aos dois:

Mensagem: Nem tanto assim. Confesso que a noite anterior foi bem agradável. Quem pode saber o que poderia ter acontecido?

Nesta hora, caso tivesse mandíbula, ele sorriria novamente. Depois de se certificar que Mansur e o outro, que também tinha se apresentado e sido mais educado, tinham lido, ele escreve outra mensagem:

-Mensagem: O prazer é meu senhor Kazak.

E meneia a cabeça em tom de cumprimento. Mansur queria muitas informações das quais Vincent não estava interessado em passar, afinal nem sabia quem eram. Nomes não significavam nada.

Então uma mensagem chega ao celular de Vincent e ele a lê rapidamente e a apaga logo em seguida. Nada de interessante tinha ali. Vincent queria mais. E de repente o piano é novamente dedilhado. Vin se vira na direção do instrumento e percebe que é Henry que o fazia. Sorriu internamente e voltou a atenção à Mansur e Kazak. Estava explicitamente interessado neles.

Quase se esquecera de Bruno ao seu lado. O Toreador era muito engraçado e carismático além da conta. Vincent também o era, mas em suas atuais condições nada de carisma ou beleza poderiam salvá-lo. O clima se alivia muito entre os quatro e Vincent acha isso ótimo. Queria socializar com os dois novatos e não conseguiria sozinho. Bruno fazia um trabalho primoroso neste quesito.

Mais uma vez escreve uma mensagem à dupla:

Mensagem: Senhor Mansur e senhor Kazak...gostaria de saber qual seria o clã a qual pertencem. Com o incidente recente, precisamos colocar as coisas em seus devidos conformes para as apresentações aos seu Primógenos.

_________________
Aparência - 5
Carisma - 5
Status na Corte - 3
Prestígio de Clã - 3
avatar
Vincent Lyon

Mensagens : 363
Data de inscrição : 28/10/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Andreas - Hans - Henry

Mensagem  Andreas Petrev em Ter Abr 26, 2016 10:42 am

Andreas recebe a batidinha nas costas do Nosferatu com um sorriso. Parecia começar a se soltar mais, apesar de estar sempre alerta sobre as proximidades. Estava achando que era hora de informar os Primógenos que já deveriam seguir seus caminhos para que ele seguisse à Capela Tremere o mais depressa possível. Precisava analisar o sangue do clã Toreador e continuar seus estudos.

Se aproximou de Henry, um dos cainitas que tinha conhecido antes e que colhera o sangue há duas noites. Ele parecia interessado no piano e Maus percebera isso. Quando começou a tocar, o Tremere se aproximou para trocar mais palavras com o Nosferatu e com o próprio Henry. Quando se deu conta estava ainda com o cartão de Wolfgang em mãos e guardou-o no bolso interno de suas vestes, que estavam horríveis.

_________________
Carisma: 3
Aparência: 2
Altura: 1,80
Peso: 75 quilos
Idade Aparente: 40 anos
avatar
Andreas Petrev

Mensagens : 77
Data de inscrição : 24/06/2015

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Rede de Esgotos do Rio de Janeiro

Mensagem  Mansur Al Rashid em Ter Abr 26, 2016 11:26 am

Rashid se surpreende com a brincadeira e com o cumprimento caloroso daquela figura peculiar. Quando o agradável gordinho lhe estende a mão, o assamita retribui o aperto imediatamente. Aquela exótica figura o lembrava de Kalifas e sultões. Havia uma patente semelhança com aqueles de seu povo.

Após a pergunta de Vincent, Rashid está decidido a responder com educação, mas evitando completamente qualquer tipo de identificação. Soaria indelicado, mas seria necessário. Todavia, como era novo na cidade, esperava que seu irmão de clã pudesse dar a solução mais adequada ao problema. Mansur confiava no julgamento do irmão, até porque ele já estava no Rio há muito mais tempo e já sabia o mínimo para lidar com aquele bando de vampiros.

Mentalmente Rashid conta todas as suas facas para caso fosse necessário agir.

Pacientemente ele olha para Kazaak e entrega nas mãos de seu irmão o futuro da conversa; e, quem sabe, o seu próprio.
avatar
Mansur Al Rashid

Mensagens : 38
Data de inscrição : 25/06/2015

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Kazak - Rashid - Vicent - Bruno

Mensagem  Kazak em Ter Abr 26, 2016 3:40 pm

Kazak lê a mensagem digitada pelo primogeno toreador. Em outros tempos talvez olhasse espontaneamente o entorno e, com isso, denunciasse sua condição. No entanto, depois de todo esse tempo e de tudo o que passou essa não era uma opção. Se acostumara à pressão.

Ele pousa a mão no ombro de Rashid como quem pede a palavra e comenta:

"- Nem todos têm a sorte de ter um guia quando conhecem a noite."

Kazak profere essas palavras olhando nos olhos de Vicent. Espera que o comentário seja o suficiente para saciar a curiosidade do primogeno. Caitifes nunca são vistos com bons olhos.

_________________
"ou se é o caçador, ou a caça"

Guerreiro despojado
Carisma: 1
Aparência: 2
avatar
Kazak

Mensagens : 37
Data de inscrição : 22/06/2015

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Rede de Esgotos do Rio de Janeiro

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 24 de 28 Anterior  1 ... 13 ... 23, 24, 25, 26, 27, 28  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum