Edifício Torre de Babel - Apt 502

Página 2 de 2 Anterior  1, 2

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Narração - Guille França | Emilie Blanc

Mensagem  Narrador em Sex Maio 16, 2014 12:25 pm

A luta dos dois era intensa, mas Emilie estava longe do autocontrole.

OFF GAME: Emilie irá estar totalmente controlada quando acumular 5 sucessos em um teste de Autocontrole com dificuldade 8. No momento ela e Guille medem força e ambos devem testar Força + Briga com dificuldade 5 para Guille e 10 para Emilie.
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 5110
Data de inscrição : 27/01/2013
Idade : 34
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário http://segredosdoapocalipse.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Emilie - Guille

Mensagem  Emilie Blanc em Sex Maio 16, 2014 1:40 pm

Emilie se debate com muita fúria, mas é completamente incapaz de escapar da chave bem colocada de Guille. O rosto, já contorcido da malkaviana, se franze ainda mais de agonia pela fome insuportável que não era capaz de saciar, mas com isso um sutil resquício de humanidade parece voltar a emergir em suas feições bestiais.



_________________
Aparência: 5 (Rosto de bebê)
Carisma: 5
avatar
Emilie Blanc

Mensagens : 433
Data de inscrição : 02/09/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Guille - Emilie

Mensagem  Guille França em Sab Maio 17, 2014 2:14 am

Guille usa sua técnica para manter a Malkaviana segura, ele sorri com o resquício de humanidade que ele consegue reparar nela, e imagina que aquele frenesi estava acabando, ele faria de tudo para protegê-la daquilo.

"- Eu to aqui Ems... To aqui pra você..."

_________________
Carisma: 4
Aparência: 3
avatar
Guille França

Mensagens : 293
Data de inscrição : 04/02/2014
Idade : 25
Localização : Sâo Paulo

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Narração - Emilie Blanc | Guille França

Mensagem  Narrador em Sab Maio 17, 2014 9:15 am

Emilie estava completamente imobilizada por Guille, mas ainda tomada pela Besta. Guille no entanto começa a ter uma sensação muito ruim. Sentia como se houvesse algo de errado ali, algo mais errado que o Frenesi de Emilie. Sentia uma sensação sinistra que lhe dava convicção que aquela noite também não seria das melhores...
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 5110
Data de inscrição : 27/01/2013
Idade : 34
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário http://segredosdoapocalipse.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Emilie - Guille

Mensagem  Emilie Blanc em Sab Maio 17, 2014 1:09 pm

Emilie continua se debatendo, mas cada vez com menos ímpeto. O sofrimento da bailarina era palpável, tanto que superava sua ânsia bestial. Ela geme angustiada, seu corpo convulso, ainda sob os impulsos da Besta, mas sua humanidade parecia estar começando a ganhar a batalha.


OFF:
Emilie rolls 4 dice to Controlar o Frenesi (Diff 8 )2,9,6,9 [2 successes]
3 Sucessos acumulados até o momento (Tô quase lá! Razz)

_________________
Aparência: 5 (Rosto de bebê)
Carisma: 5
avatar
Emilie Blanc

Mensagens : 433
Data de inscrição : 02/09/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Guille - Emilie

Mensagem  Guille França em Dom Maio 18, 2014 12:22 am

Guille estava segurando firmemente Emilie, não havia chance dela lhe escapar, porém algo que ele vê nos olhos da Malkaviana lhe dá uma sensação muito ruim, algo pesado e doloroso estava vindo ai, a noite não seria boa, isso ele sabia, nada de observar a humanidade de Emilie e se apaixonar cada vez mais, não. Seria uma luta brutal, assim como aquele Frenesi estava, sendo, Guille fala com uma voz fraca.

"- Volta Ems, preciso de você..."

_________________
Carisma: 4
Aparência: 3
avatar
Guille França

Mensagens : 293
Data de inscrição : 04/02/2014
Idade : 25
Localização : Sâo Paulo

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Narração - Emilie Blanc | Guille França

Mensagem  Narrador em Dom Maio 18, 2014 1:37 pm

Ainda sob sinais da Besta, Emilie parecia ter chances de voltar a se controlar. Guille podia ver isso nos olhos da lunática, embora a sensação ruim que tivesse só aumentasse a cada vez que olhava nos olhos de Emilie.
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 5110
Data de inscrição : 27/01/2013
Idade : 34
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário http://segredosdoapocalipse.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Emilie - Guille

Mensagem  Emilie Blanc em Dom Maio 18, 2014 6:46 pm

Subitamente, o frágil cordão que parecia estar puxando a humanidade de Emilie de volta parece se romper, porém, o estado para o qual ela cai vai um pouco além do bestial. Ela berra, morde o lábio, a língua. Gira o rosto de um lado para outro, pra cima e para baixo, martelando-o no travesseiro da cama, respingando o sangue de sua boca nos lencóis. Seus olhos avermlhados giram de um lado para o outro, ensandecidos, totalmente fora de foco. Ela volta a se debater, mas dessa vez não apenas para se libertar, tanto que ás vezes mais se afundo no colchão do que testa a força dele, mas sim, como se estivesse tendo uma convulsão. Parecia, como seu próprio clá sugeria, uma louca de hospício em pleno surto psicótico e Guille poderia entender porque eles eram amarrados em camisas de força.

_________________
Aparência: 5 (Rosto de bebê)
Carisma: 5
avatar
Emilie Blanc

Mensagens : 433
Data de inscrição : 02/09/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Edifício Torre de Babel - Apt 502

Mensagem  Convidado em Seg Maio 19, 2014 8:09 am

O Telefone de Emilie volta a tocar...

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Narração - Guille França | Emilie Blanc

Mensagem  Narrador em Seg Maio 19, 2014 11:33 am

E quando Guille olha mais uma vez nos olhos de Emilie, a Malkaviana grita, assim como fizera Claudia. Um grito que vai na alma de Guille, o enche de fúria e o faz perder completamente o controle de si.

OFF GAME: Guille França ganhou um presente da Emilie na ficha (enviado por inbox ao player via facebook) e deve ver o restante de sua atualização no tópico Ruas - Zona Oeste. Emilie deve ver o restante da sua atualização no tópico Ruas - Zona Norte.
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 5110
Data de inscrição : 27/01/2013
Idade : 34
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário http://segredosdoapocalipse.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Narração - Joana D'Arc

Mensagem  Narrador em Seg Maio 19, 2014 11:34 am

Ninguém atende.
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 5110
Data de inscrição : 27/01/2013
Idade : 34
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário http://segredosdoapocalipse.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Emilie - Natasha (The Walking Dead)

Mensagem  Emilie Blanc em Dom Jun 08, 2014 3:21 pm

Chegar a seu prédio é mais um momento de choque para Emilie. Os funcionários que ali trabalhavam já não passam de cadáveres ensanguentados no Hall de entrada. Tenta chamar o elevador, mas assim que as portas metálicas se abriram, outro corpo sem vida despencou para fora. Tentou abafar um grito, dando um enorme sobressalto.

Seguir pela escada era uma opção ainda pior. Não precisariam nem terminar o primeiro lance para verem a quantidade de corpos que se amontoavam pelos degraus. A expressão das vítimas em desespero ao tentar fugir. Isso quando havia algum rosto para ser visto, se ele não estava rasgado em feridas abertas ou se as cabeças não estavam decepadas.  

Decidiu ir com Natasha pelo elevador, contendo as lágrimas que surgiam em seus olhos, vendo as paredes e os espelhos cheios de jorros de sangue. Assim que o barulho anunciou o andar, e as portas se escancararam novamente, mais mortos estirados no chão receberam as duas malkavianas.

A porta do 502 estava aberta, e Emilie a empurrou para entrar. Os espelhos da sala de entrada, surpreendentemente limpos, refletiam o semblante tomado pelo choque da malkaviana.
- Eu não posso mais continuar morando aqui...

Indicou para Natasha seu banheiro, para que ela tomasse um banho quentinho, oferecendo-lhe toalhas e roupas secas. Porém, a dona da casa tinha preocupações muito mais urgentes. Foi até seu quarto, procurando seu celular, encontrando o dela e o de Guille em consequência, com suas chamadas perdidas.

Checar seu próprio aparelho a fez perceber que ela havia sido muito mais procurada do que imaginava: 5 Chamadas Perdidas. uma de Natasha, outra de Joanna e as restantes de um número que ela desconhecia. Havia também um SMS, cuja leitura fez, pela primeira vez naquela noite, um alívio incomensurável relaxar a malkaviana. Respondeu-o com um sorriso terno.

Ficou algum tempo refletindo se deveria retornar a ligação primeiro para Joanna ou para aquele desconhecido, mas considerando o número de vezes que o último tentara falar com ela, seu assunto deveria ser mais urgente. Discou, e enquanto esperava ele atender, procurou a maior de suas malas...

_________________
Aparência: 5 (Rosto de bebê)
Carisma: 5
avatar
Emilie Blanc

Mensagens : 433
Data de inscrição : 02/09/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Edifício Torre de Babel - Apt 502

Mensagem  Convidado em Seg Jun 09, 2014 8:27 am

Natasha chegou ao local após um grande sufoco nas ruas tomando uma enxurrada de agua fria no corpo, sua expressão no caminho era de uma tristeza cativadora, e em um momento ou outro, ela dava um miado baixinho, como um gatinho chorando por estar tomando banho.
Mas o seu choque aumenta mais ainda ao ver o estado do Refúgio de Emilie, todas as pessoas dilaceradas, a Garota leva a mão à boca e olha tudo aquilo com um pesar tremendo, mas ao ver o estado de Emilie, Natasha abraça-a confortantemente, e diz baixinho em tom de segurança:

" - Calma, já passou, não tem como consertar o passado, vamos acertar o presente."

Cada cena de terror pela qual Natasha passava, ela mordia o lábio inferior, tentando não demonstrar medo, para amparar Emilie, ao chegar no Apartamento dela, vê a bailarina finalmente encontrar seu celular, e agora poderia encontrar os demais, quando são oferecidas roupas e banho, Natasha fica tentada, mas recusa balançando a cabeça negativamente, afinal provavelmente teria que sair novamente na chuva.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Emilie - Natasha

Mensagem  Emilie Blanc em Ter Jun 10, 2014 6:22 pm

Emilie retribui o abraço de Natasha, dizendo no mesmo tom.
- Sim... vamos acertar o presente.

Durante a conversa com John Smith, a bailarina tira de cima do armário uma grande mala, colocando-a por cima da cama desarrumada e abrindo-a. Já que Natasha recusara as roupas e o banho, ela pede docemente, depois de desligar.
- Pode me ajudar tirando minhas roupas do armário?

Logo, disca para Terry Constantine.

_________________
Aparência: 5 (Rosto de bebê)
Carisma: 5
avatar
Emilie Blanc

Mensagens : 433
Data de inscrição : 02/09/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Terry Constantine - Emilie Blanc

Mensagem  Narrador em Qua Jun 11, 2014 9:05 am

Terry, com a voz bem fraca, atende à ligação:

'- E... Emil... Emilie...'
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 5110
Data de inscrição : 27/01/2013
Idade : 34
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário http://segredosdoapocalipse.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Edifício Torre de Babel - Apt 502

Mensagem  Convidado em Qua Jun 11, 2014 9:24 am

Natasha faz um gesto de positivo com a cabeça com um nível de prontificação fora do comum e diz muito solicita:

" - Não se preocupe com as roupas, deixa que eu as retiro e arrumo para você, fale com os seus contatos no celular, você precisa se informar no ocorrido geral de nossos primos."

Muito Rapidamente Natasha começa a retirar as roupas e arruma-las na mala

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Emilie - Natasha; Terry

Mensagem  Emilie Blanc em Qua Jun 11, 2014 10:50 am

Aguardando Constantine atender, Emilie balança a cabeça afirmativamente para Natasha, com um leve sorriso.
- Obrigada.

Tinha vários pedidos e planos para fazer ao irmão de clã, mas ao ouvir a voz fraca dele pelo telefone, a malkaviana se alarma.
- Terry?! Terry, onde você está? O que aconteceu?

_________________
Aparência: 5 (Rosto de bebê)
Carisma: 5
avatar
Emilie Blanc

Mensagens : 433
Data de inscrição : 02/09/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Terry Constantine - Emilie Blanc

Mensagem  Narrador em Qui Jun 12, 2014 9:02 pm

Com dificuldades, o lunático responde:

'- Tô... na... marina... o maldito Mikael... é um... traidor do Sabá... Agora os tecnoc... o submarino... eu preciso...'

A ligação cai antes da mensagem ser concluída.
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 5110
Data de inscrição : 27/01/2013
Idade : 34
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário http://segredosdoapocalipse.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Emilie - Natasha; Terry

Mensagem  Emilie Blanc em Qui Jun 12, 2014 10:29 pm

Emilie desliga o telefone estarrecida. Se Mikael era um traidor do Sabá e havia sido recebido por Constantine no Submarino... Seria possível que toda aquela tecnologia estaria nas mãos da Espada de Caim? Não, não era possível. O hacker era inteligente demais para não programar muito bem as suas máquinas contra esse tipo de coisa.

De qualquer forma, não havia tempo a perder. Terry precisava de sua ajuda e rápido! Não fazia ideia de como iria chegar na Marina da Glória com aquele trânsito e aquela chuva, mas iria achar um jeito de descobrir.

- Temos que sair daqui. Rápido! - informa à Natasha, puxando uma enorme mochila do armário. - um de nossos companheiros foi atacado, precisamos ajudá-lo.

Colocou na mochila tudo o que julgava ser mais importante, principalmente suas armas: um magnífico arco composto encomendado sob medida por sua senhora, acompanhado de uma aljava com flechas de madeira, e uma katana japonesa, que lhe custara  meses de economia. Pegou seus poucos objetos valiosos, todo o dinheiro que dispunha, os celulares dela e de Guille, até alguns de seus CD's e vinis. Lamentou não poder levar o micro-system pela grana que pagara por ele, e a vitrola, pelo seu valor sentimental. Itens de decoração também iriam ficar, para a tristeza da bailarina que já se conformara. Sabia que, quando saísse do prédio, nunca mais conseguiria voltar.

Fazia isso enquanto Natasha terminava de arrumar sua mala, chegando a ajudar sua irmã de clã acrescentando toalhas e roupas de cama e, antes de fecharem o zíper, escolhe um longo sobretudo para si, vestindo-o por cima do corpo molhado. Ajeita a mochila nas costas e pede para Natasha.
- Você pode levar a mala pra mim? Estou com medo de sermos atacadas. Já esteve num combate antes?

Supunha que não, mas não custava perguntar. A menina-gato não havia trazido nenhuma arma consigo então, no caso de um confronto, cabia a Emilie lutar para defendê-las. Ou pelo menos tentar.

_________________
Aparência: 5 (Rosto de bebê)
Carisma: 5
avatar
Emilie Blanc

Mensagens : 433
Data de inscrição : 02/09/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Edifício Torre de Babel - Apt 502

Mensagem  Convidado em Sex Jun 13, 2014 10:45 am

Natasha guardava tudo rápido, demonstrando bastante agilidade, ao ver todas aquelas armas a menina gato desvia um pouco de suas atenções, nunca esperou que fosse precisar de armas daquele porte para viver no Rio de Janeiro, ela tinha medo que o seu pacifismo fosse acabar caindo por terra, ela demonstra um leve incomodo, não gostava de ferir ninguem, mas se fosse necessário, ela aceitaria jogar estes idealismos por terra para Proteger Emilie.
Quando ouve que um companheiro de Clã foi atacado, ela leva a mão direita a boca e faz uma cara de espanto, confirmando que havia mergulhado de cabeça em um lugar totalmente perigoso, agora que já estava envolvida, não tinha jeito, iria se dedicar para ajudar os Malkavianos.
Ao ser pedida para Carregar a Mochila, ela a leva as costas com uma grande protificação e faz uma expressão de grande esforço, não estava acostumada a carregar peso, ainda mais na chuva, agora não tinha jeito: A Garota sentou em um lugar e tirou os saltos, não gostava de estragar sua aparencia onde quer que fosse, e isso estava custando grande parte do seu humor, trazendo suas perturbações a tona. Já com um semblante depressivo, Natasha responde Emilie fazendo força para não demonstrar na sua voz a sua mudança de humor:

" - Quando tenho que me envolver em um combate eu faço isso de maneira premeditada, então eu possuo o corpo da minha Jaguatirica, ou de algum outro animal de um bom porte, fora isso sou muito boa em me defender, mas em atacar não muito, nunca fui de entrar em combates diretos"

Colocando seu salto na mochila de Emilie, Natasha continua:

" - Na Tijuca tem uma estação de Metrô, a Saens Peña, a única maneira de chegar na marina com esse transito é indo por lá, acredito que deva ter uma estação perto da Marina, é um ponto focal, o que acha?"

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Emilie - Natasha

Mensagem  Emilie Blanc em Sex Jun 13, 2014 10:21 pm

Ao ver o rosto de Natasha contrair-se de esforço ao segurar o que ela pedia, Emilie faz uma cara meio decepcionada, e balança o queixo com impaciência.
- Deixa pra lá...
Toma a mala de rodinhas na mão, começando a empurrá-la, com a mochila já encaixada em suas costas. A bailarina não era muito forte, mas era capaz de carregar o próprio peso de seu corpo, e as coisas que estava levando não passavam disso. Poderia também usar seu sangue se fosse necessário, o que a faz lembrar que precisaria evitar manchar suas coisas com as poças que encobriam o chão.

- Eu também... - responde sobre entrar num combate de maneira premeditada, mas faz uma expressão de estranhamento quando ela diz que era capaz de possuir o corpo de um animal. Só vira coisas parecidas no clã Gangrel. Porém, dá pouca importância à isso. Estava com muita pressa. Apenas diz, já reabrindo a porta do apartamento.

- Sim, vamos para o metrô.
Faz um gesto para Natasha sair, e não consegue evitar olhar para trás com tristeza ao saber que estava deixando sua casa e grande parte de suas coisas. Assim que o momento de melancolia passa, Emilie fecha a porta, segue com Natasha para o elevador, e, tomando cuidado para não sujar nada, passando a mesma orientação para a irmã de clã, as duas saem do Edifício Torre de Babel, que ruíra como a construção bíblica da qual trazia o nome.


_________________
Aparência: 5 (Rosto de bebê)
Carisma: 5
avatar
Emilie Blanc

Mensagens : 433
Data de inscrição : 02/09/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Edifício Torre de Babel - Apt 502

Mensagem  Convidado em Seg Jun 16, 2014 8:27 am

Natasha fez menção em comentar alguma coisa, sobre a mala que poderia carregar, mas resolver nada dizer visto que a expressão de Emilie não era lá das melhores, e sem mais delongas Natasha parte com Emilie para fora do apartamento.

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

FIM DE TEMPORADA

Mensagem  Narrador em Qua Nov 19, 2014 7:47 am

A noite se encerra no Rio de Janeiro. Duas tempestades acabam por deixar milhares de mortos e desabrigados. Populações pobres sofrem como nunca sofreram com os fenômenos tropicais da cidade maravilhosa. O Exército e todas as polícias passam a ser coordenadas pelas Forças Especiais de Segurança Nacional depois de "organizações terroristas" matarem diversas lideranças políticas e empresários da cidade. Vereadores (mais da metade), Deputados (mais da metade da bancada federal e estadual do RJ), Desembargadores, Juízes, o Prefeito, o Governador e lideranças de variados setores da sociedade figuram entre os mortos. Líderes do tráfico e grandes nomes do crime também acabaram mortos . Foi uma noite e uma manhã de Caos. O clima é de insegurança total e com forte patrulhamento das forças policiais e do exército.

O Comitê Olímpico Internacional confirmou que os Jogos de 2016 continuam na cidade, mas exigem medidas rápidas para não reverem a decisão. O novo Governador e Prefeito Interino, o ex-Presidente do TJ-RJ Desembargador Henrique Castro, assume concomitantemente os postos com o discurso de convocar eleições no fim do ano e de cooperação com as Forças de Segurança Nacional. Faz um discurso pedindo para a cidade tomar o seu rumo normal e enfatiza que as medidas imediatas já iam refletir no dia a dia da sociedade.

Aquela noite tempestuosa mudou a cidade do Rio de Janeiro para todo o sempre. A Aliança Independente, organização com fins de ajudo mútuo que reúne os Ravnos, os Seguidores de Set e os Giovannis da cidade, declarou guerra aos lobisomens e colocou qualquer acordo de paz em risco. O Sabá já está pronto para, e sempre desejou, a Guerra. Os caçadores são atraídos pelos fatos e vão tentar limpar a cidade. O famoso "bando do Chuck", caçadores mercenários e temidos mundialmente, desembarcou no fim da tarde. Os demônios e infernalistas encontram o solo fértil para suas atividades no sopro de terror que tomou conta do Rio de Janeiro. A FESN, como representante dos interesses do Governo Federal também parte para a Guerra. Os Anarquistas se proliferam. A ordem é inexistente e forças ainda desconhecidas se movem nas sombras. Ou nem tão nas sombras assim.

Em meio a tudo isso, a Camarilla não tem opção. Ou vai à Guerra, ou cairá vítima dela. Os Garous sobreviventes, menos de um terço do efetivo anterior, lamberão suas feridas com sede de vingança. A cidade não é mais dos Lobisomens, a cidade não é da Camarilla. A cidade não é do Sabá, muito menos dos anarquistas. A cidade não é de ninguém, todos a reivindicam.

Todos estão em guerra. Todos são caça e caçador. A Guerra Civil começou.



Bem-Vindos à VII Temporada da Crônica Segredos do Apocalipse
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 5110
Data de inscrição : 27/01/2013
Idade : 34
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário http://segredosdoapocalipse.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Edifício Torre de Babel - Apt 502

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 2 de 2 Anterior  1, 2

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum