[ELLISIUM] Ilha Fiscal

Página 28 de 29 Anterior  1 ... 15 ... 27, 28, 29  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Narração - Jorge Silva

Mensagem  Narrador em Ter Fev 18, 2014 1:11 pm

Jorge mais uma vez é tirado da parede. Tentava escalar mas alguém o pegada e dessa vez não parecia brincar. Algo corta as costas de Jorge com profundidade, causando muita dor. O Brujah não enxergava no escuro, a sala, mesmo com a mortalha, tinha o cheiro de queimado e se orientar pelo cheiro era difícil. E, agora, ele percebe nitidamente que era um alvo...

OFF GAME: Jorge, se tiver Fortitude, deve tentar absorver 4 níveis de Dano Agravado.
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 5110
Data de inscrição : 27/01/2013
Idade : 33
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário http://segredosdoapocalipse.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Guille - Natanael/Vincent

Mensagem  Guille França em Ter Fev 18, 2014 1:54 pm

Guille contunua a escalada e dessa vez consegue atingir o topo e uma area que poderia se apoiar no parapeito tranquilamente. Se todo o caminho tivesse sido tao facil quanto aqueles dois ultimos passos ele já estaria em segurança.

Observando o ambiente ele pode notar o som de duas explosões. Ele ouvia novamente. Mais um excelente passo para a liberdade. Porém ao olhar em volta o fogo estava destruindo o Elysium e estava muito próximo dele. Porém o Toreador olha firme para as chamas e elas não o ameaçavam no momento. Ele podia pensar claramente sem sua Besta lhe empurrar ao medo.

Proximo a ele no parapeito estavam Natanael e Vincent, que pareciam ter chegado ali juntos. Era um bom passo, alguém tinha saído de lá já. Mas onde estaria Emilie, as crianças e os outros? Pergunta então para os dois companheiros de clã.

"- Só vocês chegaram aqui? Eu não sei o que vocês acham. Mas ficar aqui não parece ser uma boa ideia.

Guille aponta para as chamas enquanto tentava pensar em algo. Voltar para a escuridão e para o silêncio seria uma atitude muito burra. Mas pular e abandonar a cena não era do feitio do Toreador. Fora que o Sabá podia estar aguardando eles lá embaixo. Para pegar quem conseguisse fugir. O Toreador tinha acabado de chegar à cidade e tudo já parecia um caos. Ele já lutava pela sobrevivência, e todas as farpas e amenidades que tinham conversado mais cedo não mais importavam.

O Toreador decide que teria um momento de paz ali. E poderia aguardar mais alguém conseguir subir. No entanto, dirante esse tempo, Guille decide procurar ativamente perceber o que acontecia lá dentro. Ele aguça sonrenaturalmente seus sentidos e procura olhar profundamente dentro da sombra. Buscamdo entender o que se passava lá embaixo. Também se mantinha atento aos sons de explosão no Cais. E esperava conseguir identificar algum odor fora sangue e corpos queimados.

OFF: 1 de fdv pro Rot
Ativo Sentidos Aguçados.

_________________
Carisma: 4
Aparência: 3
avatar
Guille França

Mensagens : 293
Data de inscrição : 04/02/2014
Idade : 24
Localização : Sâo Paulo

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [ELLISIUM] Ilha Fiscal

Mensagem  Cláudia Denbrought em Ter Fev 18, 2014 2:07 pm

Enquanto se movia alguns pequenos passos, tentando escapar de ser um alvo direto dos seus adversários a vampira percebeu que estava próximo a alguém. O fato de ter esbarrado naquela pessoa, que não conseguia reconhecer se era aliado ou adversário, fez com que o poder da ofuscação se desfizesse. Precisava fazer um teste. Estava atenta, preparada para o combate caso fosse necessário, embora torcesse para que tivesse ao lado de um aliado. Apalpou o homem, tentando encontrar detalhes que a fizesse reconhece-lo.

_________________
Aparência - 5
Carisma - 5
avatar
Cláudia Denbrought

Mensagens : 84
Data de inscrição : 02/10/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Filippi - Cláudia

Mensagem  Luiz Filippi em Ter Fev 18, 2014 2:12 pm

*Depois de alguns passos, alguém esbarra em Filippi. Alguém pequeno. Uma das crianças, então; pelo tamanho, estimado quando baixa a manzorra sobre a cabeça dela, devia ser a menina. O brujah não perde tempo tentando se identificar: agarrando-a pelas coxas, levanta-a acima da cabeça com as duas mãos, com os pés flutuando acima de si, e conta os passos até que possa apoiá-la o melhor possível no parapeito da janela quebrada. Não há nada de agressivo em sua atitude, o que talvez garanta a ela que não se trta de um inimigo*

*Depois que tem certeza de que a menina se segurou, volta a recuar devagar, repetindo o movimento e todo o ritual*

_________________
Carisma 4
Aparência 2
Qualidade: bad boy
Idade aparente: 43
Altura: 1,90 m
avatar
Luiz Filippi

Mensagens : 216
Data de inscrição : 26/08/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Cláudia - Natanael, Guille, Vincent et all

Mensagem  Cláudia Denbrought em Ter Fev 18, 2014 2:45 pm

A malkaviana não conseguiu reconhecer quem a tinha encontrado, mas de qualquer forma percebeu que era aliado pelo fato de tê-la colocado no parapeito na janela. Estava livre da escuridão, livre do silêncio, mas conseguiu ver que o fogo consumia a ilha fiscal do lado de fora do elísio. Suspirou por alguns instantes, mas logo enxergou Natanael, Vincent e Guile França. Apesar da crise em que se encontravam a pequena vampira sorriu de alívio.

- Cláudia está feliz em vê-los, em ser capaz de ouvi-los. – ela parecia alegre de uma forma que poucos conseguiriam desconfiar que a malkaviana tinha ficado presa naquele local de morte.

Ela não tinha muito o que fazer, mas poderia tentar mostrar aos outros a situação na qual o elísio se encontrava. Mais uma vez a criança usou auspicius, enviando a imagem externa aos que ainda se encontravam lá: Emilie, Thomas, Fillippi, Ian, Jorge, Bianca e os outros. Por incrível que pareça o fogo não afetou a garota.

- Precisamos decidir o que fazer. Agir de uma forma que nos mantenha o mais seguros possível, mas quem sabe ajudar os que ainda estão lá dentro. Que acham de ficarmos em um círculo, de costas um para os outros. Assim podemos proteger nossas retaguardas e nossos flancos. – Se Natanael, Guille e Vincent não vissem a pequena vampira não imaginariam nunca que ela era uma criança. - Cláudia vai mostrar aos outros a situação externa do elísio, enviando a imagem que ela vê.

_________________
Aparência - 5
Carisma - 5
avatar
Cláudia Denbrought

Mensagens : 84
Data de inscrição : 02/10/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Bianca de Nice: Trevas e silêncio

Mensagem  Bianca de Nice em Ter Fev 18, 2014 5:08 pm

Bianca correu em direção ao corredor indicado por seu senhor. Reconhecia o local como sendo a sala em que se reuniu com suas irmãs. Quando passou pela porta percebeu uma densa escuridão se aproximando da porta. Parecia viva e tinha movimentos fluídos. Ficou extasiada. Agradeceu aos céus por não ser Toreador ou teria ficado mesmerizada pela beleza do abismo. Ficou tentada a voltar e toca-lo imaginando o frio e horror que se escondiam naquele pedaço de trevas. Decidiu que precisaria de um Lasombra no futuro para algumas pesquisas de campo. Ian, pensou, o laço do clã pesava forte em cada passo que dava em direção à salvação. Ele morreria ali?

Olhou em volta pela sala procurando pistas de onde estava a saída prometida por seu senhor.

_________________
Aparência 3
Carisma 6

"Sempre com um largo sorriso no rosto"
avatar
Bianca de Nice

Mensagens : 98
Data de inscrição : 20/11/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Guille - Claudia/Natanael/Vincent

Mensagem  Guille França em Ter Fev 18, 2014 5:14 pm

Guille vê a pequena Cláudia ser colocada no parapeito por alguém que ele não identificava quem fosse.

Porém ele fica feliz em ver que quem estava la embaixo, estava fazendo de tudo para salvar os outros, e involuntariamente seu pensamento viaja rapidamente para Emilie. Porém, sem perder tempo, acena com a cabeça para Claudia, estava também feliz em vê-la, e mais uma vez ela comunicaria o que estava acontecendo telepaticamente para os outros que estavam presos ainda.

Guille então se posiciona ao lado dela. Deixando o casal Toreador atrás dele. Para se quisessem proteger a retaguarda deles do lado de fora do Elysium, enquanto Guille continuava observando o breu do salão principal e fala para a pequena Malkaviana.

"- Tente informá-los que estamos aqui em cima e podemos ajudá-los a subir. Avise para se aproximarem da parede que estarei com a mão esticada para baixo. Talvez alguém que esteja escalando ou lá embaixo possa alcançá-la."


Então Guille se debruça no parapeito. Esticando suas duas mãos para dentro do breu de sombras. Procurando o contato de alguém que possa estar tentando subir tambem, torcendo para que uma das mãos fosse da pequena bailarina.


Última edição por Guille França em Ter Fev 18, 2014 8:42 pm, editado 1 vez(es)

_________________
Carisma: 4
Aparência: 3
avatar
Guille França

Mensagens : 293
Data de inscrição : 04/02/2014
Idade : 24
Localização : Sâo Paulo

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Natanael - Vincent/ Guille/ Claudia

Mensagem  Natanael Lacerda em Ter Fev 18, 2014 6:00 pm

Natanael ainda estava agradecendo aos Céus por ter conseguido sair daquelas trevas com Vincent a salvo quando ouve duas explosões vindas do Porto. "O que diabos estará acontecendo?" Pensa e logo Guille também alcança o parapeito da janela. Ele ficou aliviado por vê-lo, afinal, sua "arte" seria útil ali. O lutador então se dirige aos dois e Natanael o responde:

_Sim, não vi mais ninguém. E concordo com você.

Enquanto falava, a pequena vampira salta das trevas chegando ali em cima. Natanael dá uns passos apressados de encontro a ela, mas com o cuidado para não se desequilibrar:

_Oh ma petite, que bom que não se machucou! - ele se abaixa e põe as mãos sobre os ombros da menina - Sim, você tem razão, faça isso enquanto vigiamos.

Guille diz que ficará com os braços esticados esperando alguém subir e Natanael vê que aquilo era o melhor a se fazer. Quanto mais gente sair, mais chances eles teriam de sobreviver e certamente havia alguém lá embaixo ajudando os outros. Claudia parecia estar bem calma e Guille parecia saber o que fazer. Natanael não ficaria apenas parado.

_Vincent, mon cher, ajude ao senhor França, eu fico de olho para que ninguém chegue perto escondido e nos surpreenda.

Off: Natanael ativa seus Sentidos Aguçados e fica prescrutando em todas as direções. Lá embaixo, nas paredes e janelas abaixo, acima e dos lados à procura de algum inimigo ofuscado ou escondido por outros meios. Ele tem Auspícios 5...

_________________
Natanael Lacerda - Toreador
Aparência 5
Rubor de Saúde

Status 2
Prestígio de Clã 2
Senhor de Prestígio - Victoria Ash


"A poesia é decerto uma loucura." (Sêneca)
avatar
Natanael Lacerda

Mensagens : 152
Data de inscrição : 04/02/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [ELLISIUM] Ilha Fiscal

Mensagem  John Smith em Ter Fev 18, 2014 7:52 pm

Mais uma vez quando estava prestes a escapar o maldito acertara Jorge. O brujah estava começando a ficar irritado, entretanto não se deixaria abalar pelos ataques. pelo que ele podia imaginar Kennedy e Pezzini já estavam mortos. Ele era o último dos candidatos a príncipe vivo, mas nem sabia mais se teria interesse em assumir o cargo. Apenas o fato de ter se candidatado ao posto o tornara vítima dos assamita... caso sobrevivesse por quanto tempo se manteria sem o próximo ataque?

Quando foi arrancado da parede sentiu suas costas serem atingidas pelo adversário. Jorge, imediatamente, tentou contraataca-lo usando suas garras. De novo falhou. Será que dessa vez, nas décadas em que ele existia nesse corpo morto, iria encontrar seu fim? O seu corpo fechado finalmente lhe abandonaria e o negro seguiria para o plano espiritual? Mas ele não morreria, de novo, como um derrotado.

Um novo golpe o atingiu, com tanta intensidade que seu braço foi arrancado pelo golpe certeiro do assamita. Jorge urrou de dor. A besta ameaçava tomar conta de sua existência, mas não entregaria seus pensamentos antes de encontrar uma maneira de subjugar o atacante. Jorge mantinha-se concentrado, focava seus pensamentos. Fazia com que a vitae continuasse a circular por seu corpo, mantendo a velocidade sobrenatural. Não seria isso, apenas.

A família possuia uma capacidade sobrenatural de influenciar as emoções dos seus alvos. Era necessário que as vítimsa do poder da presença vissem a fonte do poder, então Jorge precisaria de sorte para funcionar. Seu atacante tinha bons reflexos ou enxergava? Se ele fosse a fonte da escuridão e caísse vítima do transe a mortalha das trevas deveria ser abaixada.

Um grito silencioso saiu da boca do negro. Ele apelava para suas forças, pedia garra aos orixás. Um grito de Patacori Ogum. Ogunhê seria ouvido se tudo não estivesse tomado pelos efeitos de quietus.

OFF: Jorge gasta 1 ponto de sangue pra rapidez. 1 de FV no teste de transe.

_________________
Não mexe comigo, que eu não ando só
Eu não ando só, que eu não ando só
Não mexe não!
avatar
John Smith

Mensagens : 180
Data de inscrição : 26/08/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Emilie - Ian, Todos

Mensagem  Emilie Blanc em Ter Fev 18, 2014 9:19 pm

Emilie sente a mão de Ian lhe escapar e ao tentar pegá-la de volta sente as costas curvadas do tremere. Uma terrível desconfiança deixa a tremere alarmada, ao se lembrar da forma como Hildegrand se contorcera no chão. Estaria ele envenenado também? Talvez não, talvez ele tivesse apenas sido ferido.

De uma forma ou de outra, a malkaviana não iria querer abandonar o tremere à propria sorte. Ela não o via com a mesma indiferença que Hildegrand, ainda que não com a mesma importância de Thomas.

Ainda tenta encontrar o menino, mas apenas o cheiro de queimado penetra suas narinas, deixando-a ainda mais nervosa. Com sua velocidade acelerada, ela começa a puxar todos os dedos das mãos, sentia os ossos estalarem dentro da pela, ainda que nenhum "crec" pudesse ser ouvido. Não podia falhar! Não no mesmo crime! Não mais uma vez...

As imagens que pulam em sua mente dessa vez são um alívio, não muito grande, já que a situação fora do Elísio também era desoladora, mas saber que havia pessoas na janela dispostas a ajudar era consolo suficiente por hora. Talvez tivessem ajudado Thomas, não custava ter esperança.

Alcançando o braço de Ian, Emilie tenta puxá-lo e ir em direção onde julgava ser a parede da janela quebrada. Fora daquele inferno talvez o tremere tivesse chance de se curar ou até sobreviver, do que quer o o aflingisse.

OFF: Jogador: Emilie / Habilidade: Percepção + Prontidão / Acertos: -1, Falha Crítica.
Desculpa Ian :/

_________________
Aparência: 5 (Rosto de bebê)
Carisma: 5
avatar
Emilie Blanc

Mensagens : 433
Data de inscrição : 02/09/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Vincent - Natanael - Guile - Claudia

Mensagem  Vincent Lyon em Qua Fev 19, 2014 6:34 am

Vincent por mais que tentasse se sair bem na escalada junto de Natanael estava mais atrapalhando do que ajudando. Era muito difícil para o Toreador saber que ele era um peso morto no meio de todo aquele caos. Natanael tentava ajudá-lo, mas com o atrapalhado Vincent não era muito possível. Pensando em largar Natanael para deixá-lo sobreviver, Vincent sente um misto de desespero e aflição. Não queria deixá-lo ir e muito menos queria que sua não vida desaparecesse por completo.

E quando no último segundo que Vincent iria deixar Natanael partir ele percebe que o irmão de clã havia conseguido sair daquela maldita escuridão e deixara a perna como apoio para ele. Subiu com voracidade ao parapeito da janela e viu-se livre daquela maldição negra. Mas haviam saído da frigideira para o fogo, quase que literalmente. As explosões não passam despercebidas e as labaredas famintas lambiam cada centímetro do local e logo estariam ali, para consumir os cainitas.

Natanael, preocupado com Vincent apalpa o Toreador para ver se ele estava ferido, mas não estava. E então ele sorri, ouve as palavras de Natanael e o abraça imediatamente, agradecendo em silêncio que haviam saído daquele inferno obscuro. Sem responder Natanael, Vincent ainda atrelado à ele desejava beijá-lo, mas é interrompido por Guille que havia alcançado o parapeito e o clima de destruição que pairava sobre eles é retomado imediatamente. O beijo seria deixado para depois. Ele solta Natanael e diz:

-Muito obrigado Natan. Você salvou minha vida. Vamos tentar salvar os outros.

Nem percebera que chamara Natanael por um apelido recém criado. Ele então responde à Guile:

-Por enquanto monsieur França. Temos que tentar salvar os outros antes que as chamas consumam todo o prédio.

Sabia que Natanael era amigo da maldita Claudia e ele teria que engolir a criança se quisesse tornar-se mais próximo de Natanael. Antes que pudesse agir, Vincent vê Claudia sendo erguida por alguém e logo ela está junto do grupo que se formava novamente enquanto Natanael a brindava com suas gentilezas. Ainda faltavam outros membros que precisavam de ajuda. Queria muito que Thomas se salvasse, mas temia muito por ele por ele.

Claudia comenta alguma coisa e Guille se dispõe a se agachar no parapeito para tentar salvar outras pessoas. Vincent não ficaria de fora disso. Em resposta à Natanael, Vincent profere:

-Ajudarei monsieur França. Precisamos ficar com a possibilidade de que algum inimigo possa puxá-lo de volta àquela escuridão. Darei apoio a ele segurando-o e evitando que ele caia. Cuidem de possíveis ataques. Vamos sair vivos deste lugar.

Vincent então se agacha naquele parapeito e fica segurando Guile para evitar que ele, por ventura, possa ser puxado novamente no meio daquela escuridão. E Vincent continua:

-Assim que puderem pulem para fora daqui. Vocês estarão mais seguros lá fora e podem sobreviver se as coisas piorarem.

Olhou para Natanael e deu um sorriso gentil:

-Confio muito em você e sei que vai conseguir sair daqui.

Depois voltou a atenção para Guile. Teria que ajudá-lo caso as coisas ficassem complicadas. O medo vermelho parecia que iria ser subjugado em breve.

_____________
Usado 1 de fdv para o teste do Medo Vermelho

2014-02-19 04:08:08 Vincent rolls 4 dice to Medo Vermelho (Diff 7, used willpower) 9,9,10,1 [3 successes]

_________________
Aparência - 5
Carisma - 5
Status na Corte - 3
Prestígio de Clã - 3
avatar
Vincent Lyon

Mensagens : 363
Data de inscrição : 28/10/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ian Tokunaga

Mensagem  George Trevisan em Qua Fev 19, 2014 7:52 am

Ian tinha razão em não atacar a mulher que encontrara. Assim que ela pega nas mãos do oriental e as coloca em sua cintura e gira ele tem certeza de que era Emilie. Os dois estavam juntos, mas isso duraria pouco tempo.

O Tremere sente fortes dores no interior de seu corpo novamente e tem a sensação nítida de que seus vasos sanguíneos iriam explodir em uníssono, matando-o em breve. Ian tinha que sair dali o mais brevemente possível ou sucumbiria àqueles malditos Assamitas. Ele se perguntava onde estaria a ajuda da Torre de Marfim enquanto muitos de seus membros estavam sendo atacados no Elísio?

Conseguiu absorver parte do dano recebido e utilizou mais um ponto de sangue para poder se recuperar. Não estava tão ferido como imaginara, mas isso duraria quanto tempo?

Resolveu deixar Emilie ir e não ir atrás dela, uma por não estar enxergando nada e outra porque ele não a encontraria naquela escuridão maldita de novo. Resolveu então utilizar um de seus rituais para tentar dificultar um pouco o encontro com os assassinos.

Em seu desespero em meio à escuridão, Ian tenta encontrar algum outro membro para poder conseguir alguma ajuda. Emilie já havia desaparecido.

___________________________

2014-02-18 11:34:25 Ian Tokunaga rolls 10 dice to Absorver Dano (used willpower) 7,1,2,3,3, 4,7,5,10,5 [3 successes]


Utilizado 1 ponto de sangue para curar-se

_________________
George Trevisan
Carisma 3
Aparência 3
avatar
George Trevisan

Mensagens : 271
Data de inscrição : 26/08/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Narração - Bianca de Nice

Mensagem  Narrador em Qua Fev 19, 2014 8:27 am

Uma mão negra sai do espelho da Sala Tremere, parecendo se estender para que Bianca a pegasse.
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 5110
Data de inscrição : 27/01/2013
Idade : 33
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário http://segredosdoapocalipse.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Narração - Natanael Lacerda | Vincent Lyon | Claudia Dembrough | Guille França

Mensagem  Narrador em Qua Fev 19, 2014 8:29 am

Guille se esforçava, mas ninguém parecia tocar sua mão. Talvez não estivessem tão bem assim na escalada. Natanael, com seus sentidos aguçados por sua vez começa a sentir o calor do fogo lhe incomodando. O Fogo estava próximo, em poucos minutos começaria a queimar o grupo da janela...
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 5110
Data de inscrição : 27/01/2013
Idade : 33
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário http://segredosdoapocalipse.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Narração - Jorge Silva

Mensagem  Narrador em Qua Fev 19, 2014 9:42 am

Jorge ativa seu dom da Presença. A única coisa que ele sabia, no entanto, é que o seu alvo estava à sua frente. E, algo atrás de si crava as presas no pescoço do Brujah, causando uma sensação de prazer que começava a tomar conta do Brujah que é logo jogado ao chão. O Beijo não dura muito tempo. Teriam desistido de diablerizar o Brujah? Os Assamitas? Isso seria estranho.

O Brujah não tem chance de reagir porque imediatamente é atingido por um chute que o joga para longe e, é nesse momento que a mão que sobrava de Jorge encontra uma mão asquerosa que o puxa para algum lugar e o arremessa para uma espécie de alçapão. Apesar dos ataques, o Brujah não toma novo dano, apenas perde 4 pontos de sangue do beijo que chegara a começar a tomar.


OFF GAME: Jorge deve postar sua próxima ação no tópico da Rede de Esgotos do Rio de Janeiro, já interagindo a sua queda na água com a presença do jovem Thomas Haulot.
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 5110
Data de inscrição : 27/01/2013
Idade : 33
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário http://segredosdoapocalipse.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Narração - Luiz Filippi | Emilie Blanc (que eu quase sempre escrevo Thorne no sobrenome)

Mensagem  Narrador em Qua Fev 19, 2014 9:48 am

Em sua busca pelo local de escalada, a Brujah acaba se chocando contra o forte corpo do Brujah.
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 5110
Data de inscrição : 27/01/2013
Idade : 33
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário http://segredosdoapocalipse.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Narração - Ian Tokunaga

Mensagem  Narrador em Qua Fev 19, 2014 9:51 am

O Tremere novamente sente a dor que lhe rasga por dentro, mas antes que essa dor começasse a lhe causar mais dano ela cessa por um segundo. Ian tinha, pela primeira vez na noite, a chance de pensar e agir sem que aquela dor lhe limitasse as possibilidades.
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 5110
Data de inscrição : 27/01/2013
Idade : 33
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário http://segredosdoapocalipse.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Filippi - Emilie

Mensagem  Luiz Filippi em Qua Fev 19, 2014 12:06 pm

*Enquanto Filippi tateia para a frente e para os lados, sem se perder da direção da parede, alguém vindo do sentido contrário se choca com força na rocha musculosa que é o corpo do brujah. Rapidamente, ele agarra com os dois braços a pessoa à sua frente e tateia um pouco; pelo tamanho, pelos cabelos compridos, pelo corpo esguio, supõe tratar-se da bailarina malkaviana, Emilie - a única mulher que sobrara no Elísio depois do fim de Hildegrand e do resgate da pequena Cláudia. Rapidamente, joga-a para cima em pé e volta a pegá-la nos braços, como se não pesasse nada, e começa a andar para a frente, passo a passo*

_________________
Carisma 4
Aparência 2
Qualidade: bad boy
Idade aparente: 43
Altura: 1,90 m
avatar
Luiz Filippi

Mensagens : 216
Data de inscrição : 26/08/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Cláudia - Natanael, Guille, Vincent. (Bianca, Luiz, Jorge, Emilie e Ian veem os outros 4 na janela)

Mensagem  Cláudia Denbrought em Qua Fev 19, 2014 12:16 pm

O fogo estava cada vez mais próximo deles, de alguma forma a pequena malkaviana tinha escapado da escuridão, mas não estava salva. Apesar disso estava nas melhores condições pelas quais poderia, considerando suas possibilidades. Natanael, Guile França e Vincent não seriam suas primeiras escolhas de companheiros no campo de batalha, não sendo que os brujah Luiz Fillippi e Jorge estavam na mesma guerra. Mas tinha que se virar com o que tinha.

Ao ouvir a sugestão de Guile, ela tentou, mais uma vez, fazer com que os outros soubessem o que tinham visto. Ela concentrou-se na imagem dela, de Lyon, Lacerda e França de pé sobre o parapeito da janela. Também mostraria que o lutador estava com os braços esticados, de forma que pudesse apoiar outros que tentassem fugir. Enquanto se preparava para fazê-lo o cheiro de esgoto e sua umidade. Logo ela percebe que Thomas tinha, de alguma forma, escapado Cláudia não sabia de outros que tinham saído dali, então mostraria isso para Fillipi, Emilie, Ian, Jorge e Bianca.

- Cláudia tentou enviar as imagens, mas não sabe se eles receberam. – ela disse dirigindo-se a todos e a nenhum dos vampiros com os quais conversava. Em seguida falou diretamente com Vincent. – Não será fácil saltarmos, mas Cláudia também irá procurar um caminho em meio às chamas. De alguma forma deve existir uma saída. Thomas escapou do elísio. Ele mostrou a Cláudia que está nos esgotos.

Enquanto observava as chamas, ela percebeu algo de diferente, não no fogo, mas na água do mar. Era como se tivesse alguma coisa se aproximando rapidamente da ilha, submerso. Ela deixou escapar um grito de alegria naquele instante. Apesar do fogo estar se aproximando talvez Terry e seu submarino poderiam salva-los. E se isso acontecesse a criança nunca mais reclamaria pelo irmão de clã não querer pintar o submarino de amarelo.

- Ela não pode ter certeza absoluta, mas olhe para o mar, Natanael. Uma embarcação submersa se aproxima... e se ela estiver certa é o senhor Terry Constantine em seu submarino que não é amarelo!

_________________
Aparência - 5
Carisma - 5
avatar
Cláudia Denbrought

Mensagens : 84
Data de inscrição : 02/10/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Emilie (Duo Flame) - Luiz Filippi, Cláudia, Guille, Natanael, Vincent

Mensagem  Emilie Blanc em Qua Fev 19, 2014 12:52 pm

O corpo em que Emilie esbarra, depois de perder Ian, é bem mais rigoroso que o habitual, e ao ser puxada ela pensa, por um instante, que poderia ser um inimigo, mas os gestos das mãos tentando reconhecê-la logo a convencem do contrário.

É então que ela se lembra da primeira vez que o vira. Uma montanha de músculos de 1,90 entrando no Elísio, e que chamara sua atenção de imediato, não apenas por ser impossível ignorar um homem tão alto, mas porque a dançarina sempre valorizara corpos bem trabalhados.

As mãos dela percorrem o peito dele, até alcançar-lhe os ombros, depois tateia o rosto até os seus cabelos ralos, só para confirmar as suas suspeitas, o que não era uma tarefa muito fácil para seus 1,60 de altura, de forma que ela precisa se pôr nas pontas.

Assim que ele a lança para cima, uma memória curiosa invade a mente da dançarina. Uma magnífica apresentação de um casal ucraniano chamado Duo Flame. Flame, chamas... Chegaria a rir da ironia se a situação não fosse tão crítica.



Com o auxílio do brujah, a loira chega até o parapeito da janela. Poder ouvir e enxergar a faria dar um suspiro de alívio, se precisasse respirar. Dá um sorriso ao ver todos os que já haviam se salvado, mas seu olhar se detém por muito mais tempo em sua irmã de clã.
- Cláudia, que bom ver que você está salva!

A preocupação não demora a tomar o rosto dela novamente, que olha ao redor, como se a procura de alguém.
- Thomas, Ian, Jorge, Filippi, Bianca... Eles ainda estão lá embaixo, precisamos resgatá-los.

_________________
Aparência: 5 (Rosto de bebê)
Carisma: 5
avatar
Emilie Blanc

Mensagens : 433
Data de inscrição : 02/09/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [ELLISIUM] Ilha Fiscal

Mensagem  Cláudia Denbrought em Qua Fev 19, 2014 1:07 pm

Ao ver Emilie a pequena criatura ainda sorria. Cláudia estava extremamente feliz pelo fato da bailarina ter escapado da escuridão, mas sabia que o fim não tinha chegado.

- Salva em parte, Emilie. O fogo não demora a chegar até nós. O que nos resta, entretanto, é esperar que Terry chegue a tempo. Olhe para o mar! Cláudia acha que é o submarino se aproximando veloz por sob as águas. - ela parou um pouco, deixando que a irmã de clã se ajeitasse no parapeito da janela e absorvesse as informações. - Dos outros não sei, mas Thomas está bem. De alguma forma ele chegou aos esgotos!

_________________
Aparência - 5
Carisma - 5
avatar
Cláudia Denbrought

Mensagens : 84
Data de inscrição : 02/10/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Bianca de Nice: braço negro diabólico e braços do abismo que a seguiam de perto

Mensagem  Bianca de Nice em Qua Fev 19, 2014 1:16 pm

O abismo a seguia de perto e sentia que todos os outros estavam condenados. Que pena. Ou não? poderia talvez ajudar os outros com algo muito importante quando você está cego e surdo. Comunicação. Concentrou-se por um segundo e enviou seus pensamentos.

Jorge dos Brujah, Emilie dos Malkavianos, Vincent dos Toreador e Ian dos Tremere ouviram em seus pensamentos um delicado toque de uma presença estranha. Definitivamente não parecia hostil. Esperava que eles confiassem nela para abrir suas mentes, pois não teria a menor condição de forçar a entrada naquela situação. Olhando em volta viu algo inusitado.

Se você visse uma mão negra saindo de um espelho, o que faria? Bianca de Nice não tinha nenhuma dúvida. Pulou nela e a agarrou.

OFF GAME: gasto 1 PFV para ativar minha telepatia.

_________________
Aparência 3
Carisma 6

"Sempre com um largo sorriso no rosto"
avatar
Bianca de Nice

Mensagens : 98
Data de inscrição : 20/11/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Natanael - todos na janela

Mensagem  Natanael Lacerda em Qua Fev 19, 2014 3:08 pm

A ideia de Vincent era boa. Enquanto ele auxiliava a Guilles no possível resgate, o Toreador lança seu olhar para todas as direções, mas só encontra o ardente fogo que se aproximava voraz. Em poucos minutos, eles seriam atingidos. Vincent dava apoio moral para que Natanael fugisse, mas os dois deveriam ir juntos.

É então que Claudia afirma ter visto um submarino e mostra algo submergido ao Toreador, que consegue perceber facilmente algo grande que se movimentava sob as águas, graças aos seus sentidos aguçados. Aquilo certamente seria uma boa notícia, já que pelo visto eram aliados da pequena Malkavian. Nesse momento, a bailarina surge e conversa com Claudia. Natanael interfere:

_Fico feliz que esteja bem, Emilie, mas não temos muito mais tempo para conversar. Precisamos descer para nos afastarmos do fogo e para que tenha espaço aqui para quando os demais subirem. Infelizmente não podemos fazer mais nada para ajudá-los a não ser guiá-los por Telepatia, já que nessa escuridão nada se vê e nada se ouve.

Ele pega Claudia no colo, mesmo sabendo que a vampirinha iria odiar aquilo, e diz olhando para Emilie:

_Vincent e Guille ajudarão aqueles que faltam chegar. Venha com a gente. Precisamos encontrar um caminho seguro até o mar e ficar aqui em cima não vai ser útil para nenhum de nós.

E se voltando para Vincent e Guille:

_Não demorem, se em alguns momentos ninguém chegar até ao alcance dos braços de Guille, saltem. Esperarei por vocês lá embaixo.

Demora alguns segundos olhando para Vincent, não queria sair dali sem ele, mas o pintor certamente estaria mais hábil a sobreviver que a pequena vampira. Natanael não subestimava Claudia, pelo contrário, a estimava e queria protegê-la.

Ele salta, envolvendo a menina com os braços enquanto esta envolvia seu ursinho de pelúcia.

_________________
Natanael Lacerda - Toreador
Aparência 5
Rubor de Saúde

Status 2
Prestígio de Clã 2
Senhor de Prestígio - Victoria Ash


"A poesia é decerto uma loucura." (Sêneca)
avatar
Natanael Lacerda

Mensagens : 152
Data de inscrição : 04/02/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [ELLISIUM] Ilha Fiscal

Mensagem  Cláudia Denbrought em Qua Fev 19, 2014 3:40 pm

Quando a malkaviana se viu nos braços de Natanael ela pensou em espernear, mas não, esse não era o momento certo para que a pequena lunática fizesse isso. Se ele fosse saltar ela queria fazer o mesmo. Descobrir uma forma de alcançar o mar era o próximo passo, ao atingirem o chão. Isso se eles não sucumbissem ao medo vermelho. Cláudia corria esse risco, mas torcia para que escapasse de mais esse terror.

Não houve tempo para que ela ouvisse a resposta de Emilie, Guille e Vincent. Natanael a envolveu em seus braços e saltou. Ela fechou os olhos enquanto caia. Quando alcançaram o chão ela estava ainda mais amassada do que antes. Seus vestido estava amarrotado e cheio de cinzas do fogo terrível que se aproximava. Mas ela não teve medo. Colocou-se de pé e começou a fitar o fogo e o horizonte, enquanto procurava por um caminho que pudesse percorrer até a praia. Incrivelmente desejosa de sorte.

- Cláudia está agradecida por Natanael ter saltado com ela. Vamos ver se ela consegue descobrir uma rota segura ou menos perigosa até o mar. Se alcançarmos a água estaremos salvos, do fogo pelo menos.


OFF: Cláudia usa Olhos do caos em busca de uma rota de fuga até o mar.

_________________
Aparência - 5
Carisma - 5
avatar
Cláudia Denbrought

Mensagens : 84
Data de inscrição : 02/10/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Guille - Claudia/Natanael/Vincent/Emilie

Mensagem  Guille França em Qua Fev 19, 2014 6:50 pm

Vincent tinha se prontificado a ajudá-lo, e tentava o segurar para manter o equilibrio e evitar que ele fosse puxado para baixo enquanto esperava mais alguém subir. Porém ninguém chegava até ele, e Cláudia dizia que ao menos Thomas tinha ido para os esgotos, se os outros Cainitas soubessem dessa passagem talvez estivessem todos a salvo naquele momento, mas antes que o Toreador pudesse lamentar seu desconhecimento, novamente a menina Cláudia parece enxergar mais do que todos os outros, assim como ela vira o fogo vindo pelas paredes, também percebera o Submarino se aproximando, por baixo da água ainda.

Guille talvez pudesse ver o submarino também, mas antes que pudesse levantar, Emilie é alçada, assim como Cláudia fora, talvez pelos outros Membros que estavam lá embaixo, o Brujah enorme era uma boa opção, e a bailarina chega no parapeito, o que quando humano ainda, arrancaria um suspiro de alívio do Toreador, porém ele apenas sorri discreto quando olha para ela, ainda tinha outros que poderia tirar de lá, mas Cláudia não sabia se eles tinham entendido a mensagem que ele estava pronto a agarrar quem quer que quisesse escalar, ainda faltavam o Brujah Jorge, o Tremere oriental Ian e o próprio Brujah Fillipi.

Vincent ainda o ajudava a se manter equilibrado, e Claudia, Emilie e Natanael viam o submarino se aproximando, um submarino, naquele momento que a estranheza daquilo era mais evidente para o Toreador, mas não duvidando das maneiras exóticas do Clã da Lua, levanta um pouco seu tronco para ouvir a conversa que tinham ali no parapeito. Então Natanael decide pegar Cláudia no colo e levá-la lá para baixo, onde poderiam encontrar uma passagem para o submarino. O fogo se alastrava e estava muito perto deles, mas o Toreador não mais temia as chamas, e ainda queria poder ajudar os outros, porém não sabia como Vincent e Emilie estavam quanto ao fogo, portanto fala rapidamente.

"- Vincent, Emilie, vão lá para baixo e ajudem os outros a encontrar o caminho para o submarino, eu vou esperar os Brujahs aqui em cima, para indicá-los nossa rota de fuga, e também Ian. Protejam-se, e tomem cuidado."

O Toreador dá um leve sorriso para ambos, sabendo que talvez fosse se queimar ali, mas não querendo que a bailarina nem o escultor se queimassem também, seria inútil, e naquele momento, sua paixão pela arte queria impedir que mais daquilo fosse danificado, mais do que a destruição do Elysium já havia proporcionado. As personificações de uma boa obra de arte não poderiam se ferir, e Guille sabia que aguentava um pouco de calor e algumas porradas, mas o máximo de Cainitas precisavam sobreviver, se eles tinham a intenção de reerguer a Camarilla, e principalmente os candidatos à Príncipe e a Primógena Malkaviana, agora que os Arcontes já estavam provavelmente mortos.

_________________
Carisma: 4
Aparência: 3
avatar
Guille França

Mensagens : 293
Data de inscrição : 04/02/2014
Idade : 24
Localização : Sâo Paulo

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [ELLISIUM] Ilha Fiscal

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 28 de 29 Anterior  1 ... 15 ... 27, 28, 29  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum