Mansão Lyon - Jardim Botânico - Refúgio de Vincent Lyon

Página 11 de 13 Anterior  1, 2, 3 ... 10, 11, 12, 13  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Vincent

Mensagem  Vincent Lyon em Sex Nov 07, 2014 10:07 am

Percebendo que aquela chuva não pararia e que seu quadro não ficara tão bom quanto imaginou, Vincent deixa seu ateliê particular e corre pelo jardim de sua residência até a entrada da mansão. Olha o céu por alguns instantes e suspira fundo, mesmo não precisando fazê-lo. Depois observa seu relógio para verificar as horas. Resolve retornar ao sofá da sala e liga percebe que não desligara a televisão desde que deixara a sala.

O canal sintonizado era o mesmo que recebera as notícias trágicas da noite. Acomodou-se no sofá e continuou vendo as notícias por algum tempo. Logo o sono sobrenatural chegaria.

_________________
Aparência - 5
Carisma - 5
Status na Corte - 3
Prestígio de Clã - 3
avatar
Vincent Lyon

Mensagens : 363
Data de inscrição : 28/10/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Vincent

Mensagem  Vincent Lyon em Seg Nov 10, 2014 5:55 am

De repente a televisão sai do ar e o Toreador acha aquilo muito estranho. Desliga o aparelho e envia uma mensagem à André Gabrois fazendo-lhe um convite antes de ir para a cama.

OFF: SMS no tópico do CCBB

_________________
Aparência - 5
Carisma - 5
Status na Corte - 3
Prestígio de Clã - 3
avatar
Vincent Lyon

Mensagens : 363
Data de inscrição : 28/10/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Mansão Lyon - Jardim Botânico - Refúgio de Vincent Lyon

Mensagem  Andre Gabrois em Qua Nov 12, 2014 7:42 am

SMS: Estou a caminho.
avatar
Andre Gabrois

Mensagens : 108
Data de inscrição : 04/04/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Vincent

Mensagem  Vincent Lyon em Qua Nov 12, 2014 1:19 pm

Abriu um imenso sorriso quando recebeu a mensagem de confirmação de André. Pelo menos o Toreador teria alguém para esquentá-lo durante o dia. Não era nenhum Natanael, mas já era alguma coisa.

_________________
Aparência - 5
Carisma - 5
Status na Corte - 3
Prestígio de Clã - 3
avatar
Vincent Lyon

Mensagens : 363
Data de inscrição : 28/10/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Mansão Lyon - Jardim Botânico - Refúgio de Vincent Lyon

Mensagem  Andre Gabrois em Qua Nov 12, 2014 4:33 pm

Poucos momentos depois a campainha da casa de Vincent Lyon tocou. Na entrada, o nosferatu, que esperava ser atendido pelo toreador.
avatar
Andre Gabrois

Mensagens : 108
Data de inscrição : 04/04/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Vincent - André Gabrois

Mensagem  Vincent Lyon em Qui Nov 13, 2014 8:02 am

Não demora para que a campainha de sua mansão toque. Ele sabia, tinha certeza, que era André. E por qual razão seria outro ser batendo a sua porta naquele horário em meio aquela chuva torrencial? Não seria outro cainita e se o fosse, deixaria torrar lá fora quando o sol nascesse.

Caminhou tranquilamente para a sala de monitoramento da mansão e verificou quem era.

-Bingo!

E abriu um sorriso. Caminhou até a sala, pegou um guarda chuva e caminhou pelo quintal até a entrada, abrindo o portão destinado para as pessoas, um menor e mais fácil de abrir. Quando viu André, disse:

-Bon soir monsieur Gabrois....por gentileza, venha para a proteção do meu guarda chuva.

E deu um sorriso malicioso para o Nosferatu.

_________________
Aparência - 5
Carisma - 5
Status na Corte - 3
Prestígio de Clã - 3
avatar
Vincent Lyon

Mensagens : 363
Data de inscrição : 28/10/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Mansão Lyon - Jardim Botânico - Refúgio de Vincent Lyon

Mensagem  Andre Gabrois em Sex Nov 14, 2014 7:48 am

Ele estendeu a mão ao toreador, puxando Vincent Lyon para a chuva. O rosto portava um semblante de felicidade, alcançado por meio do encontro com o amante das rosas. O apodrecido nosferatu roubou um beijo do pintor que alcançava uma beleza inalcançável para o rato de esgoto.

- Por que se esconder embaixo de um guarda-chuvas, se a água pode nos envolver em um abraço macabro, querido? - ele perguntou, inocentemente.
avatar
Andre Gabrois

Mensagens : 108
Data de inscrição : 04/04/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Vincent - André

Mensagem  Vincent Lyon em Sex Nov 14, 2014 9:23 am

Em um ato do qual Vincent não esperava, ele é puxado para a chuva em um abraço do Nosferatu. Vincent deixa-se molhar pelas gotas torrenciais e deixa-se abraçar pelo rato de esgoto. André rouba-lhe um beijo e Vincent gosta daquilo. Sabia que muito do que André mostrava era pelo laço de sangue criado mais cedo, mas era muito bom ver que alguém o amava de novo, mesmo que não fosse um amor real.

Depois do abraço, do beijo e das palavras de André, Vincent pega na mão do Nosferatu e o puxa para dentro de sua residência, trancando o portão devidamente. O sol estava para nascer e não queria, mesmo em meio as carícias, virar pó devido ao astro rei.

-Venha....vamos entrar....o sol se aproxima e não quero perdê-lo de jeito nenhum.

Puxando o Nosferatu eles entram na residência de Vincent completamente molhados. Sem pudor algum o Toreador tira suas roupas e as joga na entrada da porta enquanto diz:

-Não queremos molhar toda a casa...não é querido? Sua vez.

E caminha na direção das escadas para o segundo andar:

-Te espero no meu quarto. A porta estará aberta. Venha....vamos descansar um pouco.

E desaparece escada acima. Parecia estar fazendo uma brincadeira com André.

_________________
Aparência - 5
Carisma - 5
Status na Corte - 3
Prestígio de Clã - 3
avatar
Vincent Lyon

Mensagens : 363
Data de inscrição : 28/10/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Mansão Lyon - Jardim Botânico - Refúgio de Vincent Lyon

Mensagem  Andre Gabrois em Dom Nov 16, 2014 8:11 am

O nosferatu não diz nada. Deixa que Vincent o guie por dentro da mansão. Quando o toreador desaparece em direção aos aposentos, Andre se ofuscou e, silenciosamente, foi atrás. Apenas o observava à distância.
avatar
Andre Gabrois

Mensagens : 108
Data de inscrição : 04/04/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Vincent - André

Mensagem  Vincent Lyon em Seg Nov 17, 2014 5:28 am

Viu que logo André o seguia, ofuscado. E o Toreador para seu caminhar, se volta para o Nosferatu e com o dedo indicar gesticula um “não”.

-Não há a necessidade de se esconder aqui na minha mansão, querido. Isso só será necessário quando tivermos visitas.

Caminha na direção do Nosferatu, pega em sua mão e o guia até seu aposento. Era um local bem espaçoso e requintado.

-Chegamos. Venha....me faça companhia.

Deixou a mão do rato de esgoto e deitou-se na cama de casal. A mesma cama onde Natanael deitara antes. Sentia o sono sobrenatural muito forte agora e em breve estaria descansando. Lembrou que tinha que pedir para sua carniçal algumas coisas. Pegou um bloco de anotações na mesa ao lado da cama e rabiscou algumas coisas com uma caneta tinteiro. Assim que terminou, guardou tudo na gaveta e bateu três vezes na cama.

-Venha querido.

E sorriu maliciosamente. Estava prestes a desmaiar com o sono.

_________________
Aparência - 5
Carisma - 5
Status na Corte - 3
Prestígio de Clã - 3
avatar
Vincent Lyon

Mensagens : 363
Data de inscrição : 28/10/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

FIM DE TEMPORADA

Mensagem  Narrador em Qua Nov 19, 2014 7:49 am

A noite se encerra no Rio de Janeiro. Duas tempestades acabam por deixar milhares de mortos e desabrigados. Populações pobres sofrem como nunca sofreram com os fenômenos tropicais da cidade maravilhosa. O Exército e todas as polícias passam a ser coordenadas pelas Forças Especiais de Segurança Nacional depois de "organizações terroristas" matarem diversas lideranças políticas e empresários da cidade. Vereadores (mais da metade), Deputados (mais da metade da bancada federal e estadual do RJ), Desembargadores, Juízes, o Prefeito, o Governador e lideranças de variados setores da sociedade figuram entre os mortos. Líderes do tráfico e grandes nomes do crime também acabaram mortos . Foi uma noite e uma manhã de Caos. O clima é de insegurança total e com forte patrulhamento das forças policiais e do exército.

O Comitê Olímpico Internacional confirmou que os Jogos de 2016 continuam na cidade, mas exigem medidas rápidas para não reverem a decisão. O novo Governador e Prefeito Interino, o ex-Presidente do TJ-RJ Desembargador Henrique Castro, assume concomitantemente os postos com o discurso de convocar eleições no fim do ano e de cooperação com as Forças de Segurança Nacional. Faz um discurso pedindo para a cidade tomar o seu rumo normal e enfatiza que as medidas imediatas já iam refletir no dia a dia da sociedade.

Aquela noite tempestuosa mudou a cidade do Rio de Janeiro para todo o sempre. A Aliança Independente, organização com fins de ajudo mútuo que reúne os Ravnos, os Seguidores de Set e os Giovannis da cidade, declarou guerra aos lobisomens e colocou qualquer acordo de paz em risco. O Sabá já está pronto para, e sempre desejou, a Guerra. Os caçadores são atraídos pelos fatos e vão tentar limpar a cidade. O famoso "bando do Chuck", caçadores mercenários e temidos mundialmente, desembarcou no fim da tarde. Os demônios e infernalistas encontram o solo fértil para suas atividades no sopro de terror que tomou conta do Rio de Janeiro. A FESN, como representante dos interesses do Governo Federal também parte para a Guerra. Os Anarquistas se proliferam. A ordem é inexistente e forças ainda desconhecidas se movem nas sombras. Ou nem tão nas sombras assim.

Em meio a tudo isso, a Camarilla não tem opção. Ou vai à Guerra, ou cairá vítima dela. Os Garous sobreviventes, menos de um terço do efetivo anterior, lamberão suas feridas com sede de vingança. A cidade não é mais dos Lobisomens, a cidade não é da Camarilla. A cidade não é do Sabá, muito menos dos anarquistas. A cidade não é de ninguém, todos a reivindicam.

Todos estão em guerra. Todos são caça e caçador. A Guerra Civil começou.



Bem-Vindos à VII Temporada da Crônica Segredos do Apocalipse
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 5110
Data de inscrição : 27/01/2013
Idade : 33
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário http://segredosdoapocalipse.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Vincent - Carniçal

Mensagem  Vincent Lyon em Qui Dez 11, 2014 7:49 am

O Toreador tivera um sono que só os Deuses poderiam proporcionar. Nenhum pesadelo, nenhum resquício de cansaço e o melhor de tudo, acordara acompanhado. Não era Natanael ao seu lado, mas um Rato de Esgoto, mas isso não tinha importância. A beleza exuberante de Vincent iria contrastar e muito com a feiúra de André em um possível quadro. Retratar a realidade era muito coerente, ainda mais a realidade cruel do mundo das trevas.

Completamente nu ele se levanta da cama sem fazer barulho. Sentia-se bem, forte e com ideias extravagantes em sua mente. Era a noite da reunião dos Primógenos, e com um suspiro de desagrado por estas coisas tão rudimentares e sem proveito algum ele se encaminha na direção do banheiro.

Resolveu tomar um banho rápido no chuveiro em vez de demorar-se na banheira. Se André tivesse acordado, ele poderia pensar em demorar-se, mas não queria acordá-lo. O Nosferatu tinha sua proteção, pelo menos por enquanto e lhe daria a cópia de uma chave para ter passe livre em sua residência. Se este passe iria durar? Talvez não, talvez sim.

O banho acabou tão rápido que quando Vincent se deu conta, se viu escolhendo um de seus melhores ternos no guarda roupas. Trocou-se e perfumou-se. O que seria de uma rosa sem nenhum perfume? Até riu de si mesmo. Estava belíssimo.

Parou a porta de seu quarto enquanto observava André ainda adormecido. Sabia que não demoraria para ele acordar, mas queria tomar um café com sua carniçal antes e ler o jornal com as notícias do dia. Deixou a porta do quarto entreaberta e caminhou até a cozinha onde Alanis parecia espera-lo com um jornal na mão.

-Boa noite querida.

Ela o responde e lhe entrega o jornal, já dando-lhe todas as informações das quais ele pedira que ela fizesse durante o dia. Depois das informações, Vincent dispensa a carniçal e começa a ler o jornal com atenção para verificar as notícias do dia.

_________________
Aparência - 5
Carisma - 5
Status na Corte - 3
Prestígio de Clã - 3
avatar
Vincent Lyon

Mensagens : 363
Data de inscrição : 28/10/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Narração - Vincent Lyon

Mensagem  Narrador em Qui Dez 11, 2014 8:32 pm

Por mais estranho que pudesse parecer, os jornais falavam sobre futebol, olimpíadas, programas de televisão, e pouco tocavam nos assuntos que chocaram a cidade no dia anterior. A programação, em todos os canais, estava extremamente soft e até mesmo nos jornais impressos que os lacaios de Vincent trouxeram para ele não tinha muita coisa, embora nesse pelo menos ficasse clara a ascensão do novo Interventor do Rio de Janeiro e artigos de opinião falavam bastante sobre a FESN como tendo o seu maior desafio: colocar o Rio de Janeiro de volta nos trilhos da segurança.
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 5110
Data de inscrição : 27/01/2013
Idade : 33
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário http://segredosdoapocalipse.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Mansão Lyon - Jardim Botânico - Refúgio de Vincent Lyon

Mensagem  Andre Gabrois em Sex Dez 12, 2014 8:39 am

O nosferatu desperta sem saber onde estava, mas logo se deu conta. Observar ao redor fez com que o rato de esgoto reconhecesse o refúgio do primogeno toreador: Vincent Lyon. Um sorriso estampado em seu rosto. Um brilho no olhar e uma rápida tentativa de se transformar.

Andre Gabrois concentra o poder do seu sangue e evoca a mística ilusória que possuia. Uma surpresa para seu anfitrião. O nosferatu queria se transformar em Natanael Lacerda, o poeta desaparecido.

OFF: Zero, testa Máscara das Mil Faces pra mim. ^^
avatar
Andre Gabrois

Mensagens : 108
Data de inscrição : 04/04/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Vincent

Mensagem  Vincent Lyon em Sex Dez 12, 2014 1:17 pm

Por mais que procurasse alguma notícia referente aos acontecimentos da noite anterior, qualquer coisa que fizesse alusão aos distúrbios da noite anterior, nada é encontrado e Vincent Gargalha alto.

O jornal impresso estava sobre a mesa e ele o abre folheando a procura de alguma coisa e resolve ler com mais cuidado sobre a tal FESN e o Interventor no Rio de Janeiro.

-Colocar o Rio de Janeiro nos trilhos...blá, blá, blá.....Fesn e o novo Interventor...blá, blá, blá.

Virou o jornal de cabeça para baixo procurando alguma coisa nos ataques na Cidade de Deus e no tal orfanato e nada foi encontrado. Jogou o jornal na mesa e ponderou, sozinho:

-Pelo menos o controle da mídia o tal Interventor conseguiu. A Fesn pode ser uma ameaça? Bem...não estou interessado. Já basta a reunião dos Primógenos hoje. Falando em reunião.....preciso entrar em contato com meu Secretário que não retorna minhas ligações.

Revirou os olhos, pegou seu celular no bolso de sua calça social finamente cortada e discou o número do Secretário Toreador aguardando que ele atendesse.

_________________
Aparência - 5
Carisma - 5
Status na Corte - 3
Prestígio de Clã - 3
avatar
Vincent Lyon

Mensagens : 363
Data de inscrição : 28/10/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Narração - André Grabois

Mensagem  Narrador em Sab Dez 13, 2014 7:28 am

André Grabois é bem sucedido (4 sucessos) ao ativar a Máscara das Mil Faces.
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 5110
Data de inscrição : 27/01/2013
Idade : 33
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário http://segredosdoapocalipse.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Andre (com cara de Natanael)-Vincent

Mensagem  Andre Gabrois em Sab Dez 13, 2014 8:21 am

O nosferatu consegue sua transformação completa. Confere no espelho como estava sua nova forma, que provavelmente surpreenderia Vincent Lyon e, então, segue à procura do anfitrião. Aproximou-se dele caminhando tranquilamente, enquanto sussurrava.

- Sentiu minha falta, meu pintor querido?
avatar
Andre Gabrois

Mensagens : 108
Data de inscrição : 04/04/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Vincent - Guile (celular) - André/Natanael

Mensagem  Vincent Lyon em Seg Dez 15, 2014 6:36 am

Não demora muito para que Guille atenda o celular e o jeito com que fala com Vincent parecia muito mais agradável do que nas noites anteriores.

”Deve ter dormido com a malkaviana....adoro bom humor.”

Educado e receptivo, Vincent o responde de imediato:

-Boa noite Secretário França. Vejo que está de ótimo humor hoje.

Não se importava de Guille chama-lo apenas pelo nome, sem a denominação chata de Primógeno na frente. Mas para o pintor, era natural sempre deixar claro o cargo dos outros que o rodeavam antes de falar-lhes seu nome.

-Não desejo tomar muito de seu tempo...ainda mais tão cedo. Mas hoje teremos a reunião dos Primógenos e gostaria muito que me acompanhasse.

Neste momento Vincent estaca. Aparentemente transformado em pedra pela visão de Natanael em sua cozinha. Sua boca abre e forma um “O” e seus olhos arregalam de espanto. Por quase dois minutos ele não fala absolutamente nada, nem para o celular e nem para André/Natanael a sua frente.

Depois de retomar sua consciência, Vincent se levanta, ainda calado e com o celular no ouvido, Guille poderia achar o silêncio bem estranho, e caminha na direção de André/Natanael. Caminha em volta do cainita e ex amante olhando-o de cima a baixo, enquanto que agora continuava a conversa com Guille:

-E....deixei.........uma.......mensagem......na.......noite.......anterior..........para......você.........o massacre.........na.........cida.....de........de........Deus.........

E não consegue realmente reminar a sua frase. Ele para em frente a André/Natanael e sua boca agora abre um sorriso imenso. Claro que Vincent queria acabar com a raça de Natanel por tê-lo deixado sem aviso prévio e sem notícias, mas também o amava e isso lhe deixava de certa forma confuso.

Trocou o celular do ouvido direito para o esquerdo e tocou a face de André/Natanael sem dizer absolutamente nada para ele, ainda. Estava muito estupefato para dizer qualquer coisa com coerência.

_________________
Aparência - 5
Carisma - 5
Status na Corte - 3
Prestígio de Clã - 3
avatar
Vincent Lyon

Mensagens : 363
Data de inscrição : 28/10/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Mansão Lyon - Jardim Botânico - Refúgio de Vincent Lyon

Mensagem  Andre Gabrois em Seg Dez 15, 2014 9:10 am

Andre não era um poeta, não conseguiria encantar e ser encantado por muito tempo como o próprio Natanael o faria. Por quanto tempo poderia enganar o pintor? Duvidava que por muito, mas antes era uma tentativa insana e inicial do recém apaixonado nosferatu como ele poderia satisfazer o seu amado, se não tinha a beleza, nem o dom com as palavras. Lembrava-se de poucos poemas, a maioria com a antiga temática da guerra. Brecht estava em seu repertório, que recitou quando Lyon perdeu as palavras.

Nunca te amei tanto, ma soeur,
Como quando de ti parti naquele pôr-de-sol.
O bosque engoliu-me, o bosque azul, ma soeur,
Sobre que já pousavam as estrelas pálidas a oeste.

Não me ri nem um pouco, nada, ma soeur,
Eu que a brincar ia ao encontro dum destino escuro —
Enquanto os rostos já atrás de mim
Devagar empalideciam no anoitecer do bosque azul.
Tudo era belo naquele anoitecer único, ma soeur,
Nunca mais depois e nunca antes assim —
Verdade é: só me ficaram as grandes aves
Que ao anoitecer têm fome no céu escuro.

Aproximou-se dele e pegou o telefone das mãos de Vincent, desligando a ligação.

- Seja meu, Vincent. Deixe-nos viver o tempo que nos roubaram. Por que não te conheci antes, ma soeur?
avatar
Andre Gabrois

Mensagens : 108
Data de inscrição : 04/04/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Vincent - André/Natanael

Mensagem  Vincent Lyon em Seg Dez 15, 2014 9:58 am

Ainda paralisado pela visão de Natanael a sua frente, Vincent nada diz, nada fala e muito menos raciocina. Seus ouvidos ainda funcionavam bem para ouvir o poema que a bela boca de Natanael proferia. Era conhecido como um poeta, apesar de Vincent tê-lo ouvido poucas vezes. Ao fim do poema bem conhecido pelo pintor, seu telefone é retirado de suas mãos e ele não sabe mais para onde foi. Nem se dera conta de que ainda estava falando com Guille.

Só não entendera o porquê de Natanael estar usando ma soeur com Vincent. Deveria ser ma coeur em sua opinião. Talvez ele não quisesse desconstruir o poema de Bertold Brecht. Automaticamente a voz de Vincent se faz presente em um belíssimo poema de Florbela Espanca, sua poetisa preferida:

-Minh'alma, de sonhar-te, anda perdida
Meus olhos andam cegos de te ver!
Não és sequer razão de meu viver,
Pois que tu és já toda a minha vida!


Tocou mais uma vez o rosto de Natanael:

-Não vejo nada assim enlouquecido...
Passo no mundo, meu Amor, a ler
No misterioso livro do teu ser
A mesma história tantas vezes lida!

Tudo no mundo é frágil, tudo passa...
Quando me dizem isto, toda a graça
Duma boca divina fala em mim!

E, olhos postos em ti, vivo de rastros:
"Ah! Podem voar mundos, morrer astros,
Que tu és como Deus: princípio e fim!..."


Saboreou aquele momento por mais alguns minutos e abraçou finalmente Natanael em um misto de amor, compaixão, raiva e fúria. Tinha vontade de dar-lhe um tapa no rosto do poeta para arrancar-lhe alguns dentes quando que ao mesmo tempo tem vontade de beijá-lo da cabeça aos pés.

-Para vivermos o tempo que nos roubaram teríamos que nos refugiar em um bunker a prova de ataques nucleares...Natan.

Gostava de chamá-lo assim.

-Talvez o destino tenha cruzado nossos caminhos no aqui e no agora.

Encontra sua cabeça no peito de André/Natanael e sente que estava bem, protegido e que os horrores do exterior poderiam nunca terem existido. Enquanto com a cabeça no peito de André/Natanael, Vincent comenta:

-Devolverei a Primogenia a ti se desejares.....preciso colocá-lo a par de tudo que aconteceu neste tempo que ficara fora. Ficara fora por um tempo quase infinito para mim.....onde esteve?

Agora sua face estava de frente para André/Natanael, encarando-o enquanto aguardava uma resposta.

_________________
Aparência - 5
Carisma - 5
Status na Corte - 3
Prestígio de Clã - 3
avatar
Vincent Lyon

Mensagens : 363
Data de inscrição : 28/10/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Mansão Lyon - Jardim Botânico - Refúgio de Vincent Lyon

Mensagem  Andre Gabrois em Ter Dez 16, 2014 7:51 am

- Talvez não demore muito a isso acontecer! - o nosferatu, disfarçado de toreador respondeu ao pintor quando Vincent falou sobre o bunker e o tempo que perderam.

Escuta o poema recitado, as palavras de desgosto que estavam escondidas no meio do caminho, os segredos perdidos e ocultos. Assim era a vida. Esse era o primeiro e o próximo passo. O que ele faria? Rosto com rosto, colado um ao outro. Andre não responde, antes invade a boca de Vincent em um novo beijo cheio de desejo. Junto com o desejo, a vitae, que ele ofereceu ao amante por uma ferida na língua. Daria de si. Teria dele? Ou tomaria?
avatar
Andre Gabrois

Mensagens : 108
Data de inscrição : 04/04/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Vincent - André/Natanael

Mensagem  Vincent Lyon em Ter Dez 16, 2014 11:21 am

André/Natanael profere uma parca frase em resposta a seu belíssimo poema cheio de amor, raiva, compaixão e depressão que Vincent tinha-lhe presenteado para demonstrar o que passara durante sua ausência. Nada foi proferido a respeito da primogenia, mas ele não culpava seu amado amante desaparecido.

Sorrindo ele recebe o beijo em meio a vitae de André/Natanael que pretendia laçá-lo. Assim como Vincent tinha feito na noite anterior com André naquele café agradável. Vincent já tinha bebido do Nosferatu na noite anterior e não deixaria de beber de novo dele, mas não sabia até o momento que bebia da vitae de André novamente. Ele aproveita o gosto do sangue e continua a beijar o Rato de Esgoto transformado em Natanael.

Mas depois de um tempo do beijo e da vitae sorvida, Vincent então usa a mesma tática que usara na noite anterior com André, mas desta vez seria usada com Natanael, em sua concepção era com Natanael que ele estava fazendo isso. Morde sua própria língua para deixar que um pouco de vitae deixe seu belo corpo e então chupa a língua do Rato de Esgoto e a morde para deixa-lo em êxtase pela mordida, forçando o sangue garganta adentro do homem do qual ele beijava achando que era seu Natanael.

_________________
Aparência - 5
Carisma - 5
Status na Corte - 3
Prestígio de Clã - 3
avatar
Vincent Lyon

Mensagens : 363
Data de inscrição : 28/10/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Mansão Lyon - Jardim Botânico - Refúgio de Vincent Lyon

Mensagem  Andre Gabrois em Sex Dez 19, 2014 7:39 am

Perdido no êxtase do beijo vampírico, Andre Gabrois se retorceu nos braços de Vincent Lyon e enquanto toreador e nosferatu ofuscado aumentavam os laços que haviam entre eles, o leproso deixou que o subterfúgio usado desaparecesse. O toque dele foi se tornando áspero, assim como a pele era mais úmida do que Vincent gostaria de tocar. O primeiro e o segundo passos foram dados. Quando viria o terceiro, se é que ele chegaria?

Depois do momento ímpar, diante da surpresa que teria provocado. Silêncio. Foi tudo o que Andre Gabrois deu ao primogeno.
avatar
Andre Gabrois

Mensagens : 108
Data de inscrição : 04/04/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Vincent - André

Mensagem  Vincent Lyon em Sex Dez 19, 2014 8:15 am

Enquanto sorvia o sangue do seu Natanael, e dava-lhe a dádiva de seu sangue para ele depois de uma mordida em sua língua, uma coisa estranha acontece. Natanael começa a tornar-se áspero, pegajoso, ruim ao toque. Vincent se desfaz do beijo que dava em Natanael e percebe a brincadeira de mal gosto de André Gabrois. Dera-lhe abrigo, dera-lhe seu sangue e mesmo assim o Nosferatu o enganara. Sua mão direita fechou-se em punho com vontade de socar o estômago do Rato de Esgoto, mas se desfez logo em seguida.

-Brincadeira de mal gosto monsieur Gabrois. Mas confesso que adorei o seu truque.

Um sorriso malicioso brotou na face de Vincent. O Toreador estava com certeza surpreso, mas odiara que André estava brincando com seus sentimentos daquela forma.

-Por gentileza....nunca mais tome a forma de monsieur Lacerda. Confesso que por pouco não o atingira com minha mão em sua face. Meus sentimentos não estão propensos a brincadeiras.

Caminhou de volta a cadeira em que estava e pegou seu celular novamente:

-Por gentileza...sente-se monsieur Gabrois.

Em cima da mesa havia uma chave. A chave da casa de Vincent que o pintor pretendia deixar com André para dar-lhe passe livre para ir e vir. O Nosferatu já estava laçado a Vincent pela segunda vez e na próxima noite seria a terceira vez e o laço de sangue estaria completo.

O artista então toca a chave com o dedo indicador e médio e a empurra na direção de André, dizendo:

-Esta chave é para você. Ela pertence a minha residência e estou dando-lhe passe livre para ir e vir dentro de meu refúgio. Mas lembre-se...ainda posso invocar a lei da hospitalidade contra você caso faça algum mal a mim e aos meus. E devo deixar claro uma coisa....

Digitava uma mensagem à Guille França e agora seus olhos estavam concentrados no celular:

-...não pertenço a ninguém e pertenço a todo mundo no quesito sentimental. Se é que me entende. Peço-lhe que não se apegue muito a mim para não se decepcionar depois. Tudo bem?

Ergueu os olhos para André e o observava como se quisesse ver a alma dele, mas isso era inútil. Por enquanto. A mensagem para Guille já fora enviada e agora André tinha toda sua atenção.

-Gostaria de aprender a sua mágica de mudar de forma.....ela parece muito interessante. Poderia me ensinar?


OFF: mensagem enviada para o tópico onde o Guille está e para o Narrador via facebook.
=)

_________________
Aparência - 5
Carisma - 5
Status na Corte - 3
Prestígio de Clã - 3
avatar
Vincent Lyon

Mensagens : 363
Data de inscrição : 28/10/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Vincent - André

Mensagem  Vincent Lyon em Ter Dez 23, 2014 8:37 am

Vincent olhava André com um imenso sorriso no rosto. Aguardava a resposta do Nosferatu.

_________________
Aparência - 5
Carisma - 5
Status na Corte - 3
Prestígio de Clã - 3
avatar
Vincent Lyon

Mensagens : 363
Data de inscrição : 28/10/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Mansão Lyon - Jardim Botânico - Refúgio de Vincent Lyon

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 11 de 13 Anterior  1, 2, 3 ... 10, 11, 12, 13  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum