Cobertura na Barra da Tijuca - Refúgio de Eugênio de Beauharnais

Página 1 de 2 1, 2  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Cobertura na Barra da Tijuca - Refúgio de Eugênio de Beauharnais

Mensagem  Eugênio de Beauharnais em Ter Abr 22, 2014 10:25 pm

Na cobertura modificada de um condomínio de luxo na Barra da Tijuca, não muito longe da beira mar, fica o refúgio de Eugênio de Beauharnais.

avatar
Eugênio de Beauharnais

Mensagens : 101
Data de inscrição : 16/01/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Eugênio - Narração

Mensagem  Eugênio de Beauharnais em Ter Abr 22, 2014 10:50 pm

Passados alguns minutos o carro de Eugênio entra na garagem de seu prédio. William o deixa no acesso ao elevador e, depois que o Ventrue sobe, vai estacionar o carro. O elevador é a última etapa de um complexo esquema de segurança composto por seguranças armados, câmeras de vigilância controle digital de acesso aos diferentes andares. Depois de reconhecer sua digital, Eugênio aperta o botão referente à cobertura e o elevador sobe.

O elevador deixa Eugênio dentro de seu apartamento. Assim que chega ele encontra Luiza que, como de costume, acorda bem cedo para poder receber pessoalmente as orientações de Eugênio sobre os passos a serem dados durante o dia.

Depois de alguns minutos de conversa com Luiza, o Ventrue se recolhe.
avatar
Eugênio de Beauharnais

Mensagens : 101
Data de inscrição : 16/01/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cobertura na Barra da Tijuca - Refúgio de Eugênio de Beauharnais

Mensagem  Narrador em Qua Abr 23, 2014 7:56 am

avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 5110
Data de inscrição : 27/01/2013
Idade : 34
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário http://segredosdoapocalipse.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Eugênio instrospectivo

Mensagem  Eugênio de Beauharnais em Ter Maio 13, 2014 9:49 pm

A noite cai e logo Eugênio desperta de seu sono. Está em seu quarto e permanece por alguns minutos sentado na beira da cama com os acontecimentos da noite anterior martelando em sua mente a procura das necessárias consequências. O plano que trouxe quando retornou ao Rio de Janeiro não durara nem mesmo uma mísera noite e o Ventrue se sentia exposto por isso. Enfrentar as tumultuadas noites da Cidade Maravilhosa sem ter certeza sobre que direção seguir era pedir para encontrar a morte final.

Conforme o tempo passa e repassa mentalmente os acontecimentos, a ira de Eugênio cresce. Sua raiva tinha a si mesmo como único alvo. Lembrando agora, se sentia um verdadeiro idiota pela forma como se deixara conduzir pelos outros durante toda a noite. A cena no interior do carro da Praetor é, para ele, o ápice de tal absurdo. Eugênio não conseguia entender como deixara as coisas chegarem até aquele ponto. Se fosse uma cria sua a passar por aquilo, com certeza, a destruiria por tamanha vergonha. Era isso, talvez ele merecesse a destruição; não era digno de seu Senhor; não conseguira aprender o necessário no Agoge; seu nome era amaldiçoado. Se sentindo um lixo, Eugênio parte para o chuveiro na esperança de que um banho gelado lhe traga a confiança perdida. Quando retorna já pronto para sair, percebe que sua esperança tinha sido em vão.

Antes de sair de sua suíte ele “respira fundo” (certos hábitos são difíceis de esquecer) e recobra a postura necessária. Na mesa do desjejum estão todos os grandes jornais brasileiros. Ele se senta e passa, ansiosamente, os olhos por cada um deles. Parecia buscar algo. Quando já parecia apenas folhear despretensiosamente os jornais, sua lacaia senta-se à mesa para lhe relatar as movimentações ocorridas durante o dia. Ele escuta calado ao relato de Luiza e quando termina lhe faz um gesto seco para que se retire.

Com as palavras de Luiza em mente, Eugênio pega seu tablet e abre uma página contendo o perfil e a trajetória de Eike Batista. A leitura daquelas linhas descrevendo sua ascensão e a queda meteórica tem um estranho impacto sobre o Ventrue. Ao mesmo tempo que lhe alerta sobre a dificuldade que é se instalar naquela cidade e a possibilidade de compartilhar de tal destino, lhe acende uma fraca motivação. Se fosse em outros tempos ele poderia tentar atribuir aquela sensação a coisas positivas como o soerguimento de sua família para homenagear seu falecido pai ou algo mais altruísta como ajudar ao próximo ou à sociedade. Graças a Caim esse tempo estava longe e ele tinha total consciência disso. A motivação que crescia dentro de si tinha como combustível sua ambição, seu orgulho e sua raiva.

Eugênio pela primeira vez desde que pisara em solo carioca abre um leve sorriso enquanto levanta e caminha em direção ao cômodo onde estava seu rebanho. Tinha muita sede.
 
avatar
Eugênio de Beauharnais

Mensagens : 101
Data de inscrição : 16/01/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Narração - Eugênio de Beauharnais

Mensagem  Narrador em Qua Maio 14, 2014 8:48 am

Os jornais apontavam um País com economia em franco crescimento mas com problemas sérios de segurança pública. Boa parte da cobertura focava no deslocamento de Dora Thompson, Secretária Executiva do Ministério da Defesa e Chefe das Operações Especiais para um escritório avançado no Rio de Janeiro. Ao que parecia, o Governo ia investir alto para detectar e eliminar as células terroristas que estavam espalhadas pela cidade. Notícias sobre vandalismo no centro da cidade, na zona norte e longas matérias sobre o atentado à Ilha Fiscal eram comuns em todos os jornais.
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 5110
Data de inscrição : 27/01/2013
Idade : 34
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário http://segredosdoapocalipse.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Eugênio - Narração

Mensagem  Eugênio de Beauharnais em Dom Maio 18, 2014 7:31 pm

Enquanto se alimentava o Ventrue põe os pensamentos em ordem e formata um roteiro pra si. Volta a se limpar e chama Luiza pra conversar novamente para ouvir mais detalhes sobre as novidades. Optara por restringir seus interesses, inicialmente, a apenas uma das opções cogitadas na última noite. Era por aí que Eugênio iria começar.

OFF: detalhes por MP com a narração
avatar
Eugênio de Beauharnais

Mensagens : 101
Data de inscrição : 16/01/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Eugênio - Narração

Mensagem  Eugênio de Beauharnais em Sex Maio 23, 2014 11:24 pm

Ainda à mesa Eugênio pega o telefone e liga para seu primôgeno.
avatar
Eugênio de Beauharnais

Mensagens : 101
Data de inscrição : 16/01/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Eugênio - Narração

Mensagem  Eugênio de Beauharnais em Seg Jun 09, 2014 8:44 am

Eugênio encerra a ligação para seu primógeno e despois de pensar por alguns instantes no que fazer naquela noite chuvosa, resolve ligar para o toreador de nome Haulot.
avatar
Eugênio de Beauharnais

Mensagens : 101
Data de inscrição : 16/01/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Narração - Eugênio de Beauharnais

Mensagem  Narrador em Qua Jun 11, 2014 8:57 am

Ninguém atende.
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 5110
Data de inscrição : 27/01/2013
Idade : 34
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário http://segredosdoapocalipse.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Eugênio - narração

Mensagem  Eugênio de Beauharnais em Sex Jun 13, 2014 10:22 pm

Eugênio desliga o telefone. O Ventrue olha pela janela a chuva torrencial que cai sobre a cidade enquanto pensa no que fazer. Sair naquela chuva toda estava fora de cogitação.
avatar
Eugênio de Beauharnais

Mensagens : 101
Data de inscrição : 16/01/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Narração - Eugênio de Beauharnais

Mensagem  Narrador em Dom Jun 15, 2014 5:26 pm

O telefone de Eugênio começa a tocar. O número no visor era completamente desconhecido para o Ventrue.
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 5110
Data de inscrição : 27/01/2013
Idade : 34
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário http://segredosdoapocalipse.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Eugênio sem coragem pra se molhar

Mensagem  Eugênio de Beauharnais em Seg Jun 16, 2014 1:55 pm

Enquanto o Ventrue olha pela janela de seu apartamento a chuva que castiga o Rio de Janeiro seu telefone toca. Ele olha o número desconhecido no visor e com estranheza atende:

"- Pronto!?!"
avatar
Eugênio de Beauharnais

Mensagens : 101
Data de inscrição : 16/01/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Paul G. - Eugênio de Beauharnais

Mensagem  Narrador em Ter Jun 17, 2014 2:31 pm

Uma voz masculina é ouvida do outro lado da linha, dizendo:

'- Sr. Beauharnais, é Paul G. quem fala...'

Paul G. era um nome famoso no Clã Ventrue. Famoso pelos seus feitos, por sua liderança, por sua frieza e por sua falta de humanidade...
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 5110
Data de inscrição : 27/01/2013
Idade : 34
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário http://segredosdoapocalipse.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Eugênio - Paul G

Mensagem  Eugênio de Beauharnais em Qua Jun 18, 2014 10:18 am

Eugênio escuta uma voz masculina do outro lado da linha se identificar como Paul G. Não sabia que ele estava em terras cariocas e, fruto dos últimos acontecimentos, sua reação é de precaução. Ainda sem certeza se ele era realmente quem dizia ser ou se era outro membro do Sabá, Eugênio responde:

"- Boa noite Sr., em que posso ser útil?"
avatar
Eugênio de Beauharnais

Mensagens : 101
Data de inscrição : 16/01/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Paul G. - Eugênio de Beauharnais

Mensagem  Narrador em Qua Jun 18, 2014 10:39 am

O Sangue Azul responde em tom sério:

'- Me encontrando em meia hora na cobertura do Edifício X, na Lagoa.'

Era direto em suas palavras e aguardava a resposta de Eugênio.
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 5110
Data de inscrição : 27/01/2013
Idade : 34
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário http://segredosdoapocalipse.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Eugênio - Narração

Mensagem  Eugênio de Beauharnais em Ter Jun 24, 2014 10:35 am

Eugênio escuta o convite e, com certa desconfiança, responde:

"- Não sabia que estava em terras cariocas, Sr. G."

*Será que ele é quem diz ser?* A lembrança da traição da última noite faz com que Eugênio fique com os dois pés atrás com o recém chegado. Apesar disso, Eugênio optara por entrar no jogo.

"- Com a chuva que está caindo talvez não consiga chegar aí tão rapidamente."

Eugênio buscava alongar um pouco a ligação na expectativa de identificar se o interlocutor era mesmo quem dizia ser.

avatar
Eugênio de Beauharnais

Mensagens : 101
Data de inscrição : 16/01/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Paul G. - Eugênio de Beauharnais

Mensagem  Narrador em Qua Jun 25, 2014 11:50 am

'- Tenho certeza de que dará um jeito. Odeio esperar.' - Diz o Ventrue que imediatamente desliga o telefone. Paul G. não era famoso por ser dos mais pacientes e compreensivos anciões do clã.
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 5110
Data de inscrição : 27/01/2013
Idade : 34
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário http://segredosdoapocalipse.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Eugênio - Narração

Mensagem  Eugênio de Beauharnais em Sab Jun 28, 2014 6:31 am

Assim que a ligação se encerra o Ventrue permanece alguns segundos parados olhando a chuva que caía na cidade e pensando no convite que acabara de receber. Seria ele mesmo ou mais um truque do Sabá? Ter Paul G na cidade significa um grande reforço para o Clã e, obviamente, o primogeno já deve estar informado disso. Por precaução, Eugênio, com o telefone ainda em mãos, liga para o primógeno.

OFF: continua em Condomínio Nova Sicília
avatar
Eugênio de Beauharnais

Mensagens : 101
Data de inscrição : 16/01/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Eugênio - Narração

Mensagem  Eugênio de Beauharnais em Qua Jul 02, 2014 9:21 am

Enquanto aguarda o primogeno atender sua ligação, Eugênio faz um gesto chamando Luiza e quando ela se aproxima diz:

"- Manda o William preparar o carro que vou sair em 10 minutos."
avatar
Eugênio de Beauharnais

Mensagens : 101
Data de inscrição : 16/01/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Eugenio - Narração

Mensagem  Eugênio de Beauharnais em Seg Ago 11, 2014 9:56 am

Encerrada a ligação com a Praetor, Eugênio resolve ir ao encontro com Paul G. Tudo já estava preparado e, rapidamente, o Ventrue desce de seu apartamento em direção ao estacionamento e sai para seu encontro.

OFF: Continua nas ruas da zona oeste
avatar
Eugênio de Beauharnais

Mensagens : 101
Data de inscrição : 16/01/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Eugênio - Narração

Mensagem  Eugênio de Beauharnais em Ter Nov 18, 2014 5:06 pm

Depois de algum tempo o carro trazendo o Ventrue chega a seu refúgio. Eugênio se dirige tranquilamente a seus aposentos e antes de fechar a porta olha para sua lacaia e sentencia:

"- Nos vemos mais tarde pra conferirmos o que você conseguiu."

O secretário da príncipe fecha a porta.
avatar
Eugênio de Beauharnais

Mensagens : 101
Data de inscrição : 16/01/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

FIM DE TEMPORADA

Mensagem  Narrador em Qua Nov 19, 2014 7:43 am

A noite se encerra no Rio de Janeiro. Duas tempestades acabam por deixar milhares de mortos e desabrigados. Populações pobres sofrem como nunca sofreram com os fenômenos tropicais da cidade maravilhosa. O Exército e todas as polícias passam a ser coordenadas pelas Forças Especiais de Segurança Nacional depois de "organizações terroristas" matarem diversas lideranças políticas e empresários da cidade. Vereadores (mais da metade), Deputados (mais da metade da bancada federal e estadual do RJ), Desembargadores, Juízes, o Prefeito, o Governador e lideranças de variados setores da sociedade figuram entre os mortos. Líderes do tráfico e grandes nomes do crime também acabaram mortos . Foi uma noite e uma manhã de Caos. O clima é de insegurança total e com forte patrulhamento das forças policiais e do exército.

O Comitê Olímpico Internacional confirmou que os Jogos de 2016 continuam na cidade, mas exigem medidas rápidas para não reverem a decisão. O novo Governador e Prefeito Interino, o ex-Presidente do TJ-RJ Desembargador Henrique Castro, assume concomitantemente os postos com o discurso de convocar eleições no fim do ano e de cooperação com as Forças de Segurança Nacional. Faz um discurso pedindo para a cidade tomar o seu rumo normal e enfatiza que as medidas imediatas já iam refletir no dia a dia da sociedade.

Aquela noite tempestuosa mudou a cidade do Rio de Janeiro para todo o sempre. A Aliança Independente, organização com fins de ajudo mútuo que reúne os Ravnos, os Seguidores de Set e os Giovannis da cidade, declarou guerra aos lobisomens e colocou qualquer acordo de paz em risco. O Sabá já está pronto para, e sempre desejou, a Guerra. Os caçadores são atraídos pelos fatos e vão tentar limpar a cidade. O famoso "bando do Chuck", caçadores mercenários e temidos mundialmente, desembarcou no fim da tarde. Os demônios e infernalistas encontram o solo fértil para suas atividades no sopro de terror que tomou conta do Rio de Janeiro. A FESN, como representante dos interesses do Governo Federal também parte para a Guerra. Os Anarquistas se proliferam. A ordem é inexistente e forças ainda desconhecidas se movem nas sombras. Ou nem tão nas sombras assim.

Em meio a tudo isso, a Camarilla não tem opção. Ou vai à Guerra, ou cairá vítima dela. Os Garous sobreviventes, menos de um terço do efetivo anterior, lamberão suas feridas com sede de vingança. A cidade não é mais dos Lobisomens, a cidade não é da Camarilla. A cidade não é do Sabá, muito menos dos anarquistas. A cidade não é de ninguém, todos a reivindicam.

Todos estão em guerra. Todos são caça e caçador. A Guerra Civil começou.



Bem-Vindos à VII Temporada da Crônica Segredos do Apocalipse
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 5110
Data de inscrição : 27/01/2013
Idade : 34
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário http://segredosdoapocalipse.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cobertura na Barra da Tijuca - Refúgio de Eugênio de Beauharnais

Mensagem  Eugênio de Beauharnais em Sex Dez 12, 2014 9:53 pm

Eugênio acorda para mais uma noite em sua caminho em direção ao topo. O novo secretário da príncipe não tinha tempo a perder, se levanta e caminha para seu banheiro. O banho, embora rápido, é impecável e em poucos minutos o Ventrue estava elegantemente vestido.

Ele caminha em direção a sala, se senta à mesa e abre os jornais para ver as novidades. Pelas capas já dava pra perceber que o dia tinha sido tão movimentado quanto a noite anterior. Em pouco tempo sua secretaria também se senta e começa a lhe atualizar sobre a confusão que imperava na cidade.
avatar
Eugênio de Beauharnais

Mensagens : 101
Data de inscrição : 16/01/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Narração - Eugênio de Beauharnais

Mensagem  Narrador em Sab Dez 13, 2014 7:02 am

As notícias eram bem mais comedidas que Eugênio podia imaginar. Apesar dos múltiplos assassinatos, explosões, violações da máscara e tudo mais que tinha feito parte do cardápio da última noite, as notícias de todos os jornais (rádio, impresso e TV) focavam tanto nas duas tempestades que mataram milhares em comunidades carentes e na troca de poder, com a nomeação de um mesmo interventor para Estado e Capital para "colocar ordem na cidade" e preparar novas eleições.
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 5110
Data de inscrição : 27/01/2013
Idade : 34
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário http://segredosdoapocalipse.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Eugênio - Paul G

Mensagem  Eugênio de Beauharnais em Ter Dez 16, 2014 8:44 am

Eugênio escuta os relatos de sua secretaria, confere as manchetes dos jornais e percebe que a Máscara estava mantida, mas que não conseguiria saber de nada por ali. Ele manda sua lacaia avisar o motorista de que sairia em breve e ao vê-la sair liga para Paul G.
avatar
Eugênio de Beauharnais

Mensagens : 101
Data de inscrição : 16/01/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Cobertura na Barra da Tijuca - Refúgio de Eugênio de Beauharnais

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 1 de 2 1, 2  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum