[CAMPO GRANDE] Parque Municipal da Serra do Mendanha

Página 1 de 2 1, 2  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

[CAMPO GRANDE] Parque Municipal da Serra do Mendanha

Mensagem  Narrador em Seg Mar 23, 2015 8:46 am







avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 5110
Data de inscrição : 27/01/2013
Idade : 33
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário http://segredosdoapocalipse.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ian

Mensagem  George Trevisan em Seg Mar 23, 2015 9:00 am

O Tremere não conseguia pensar em absolutamente nada. Suas roupas queimavam e ele achava que o medo vermelho iria lhe atingir quando ele bate com força na superfície da água. Estava muito ferido, e a água que o molhara extinguiu as chamas das quais pretendiam consumir seu corpo. Olhou em volta e percebeu que a água vinha de uma cachoeira. Precisava deixar aquele lugar o quanto antes, mas como?

Começou a se arrastar para ficar pelo menos na margem do pequeno lago formado pela cachoeira e torcia para que mais nada o atacasse ou estaria perdido. Tinha que conseguir chegar até Lupinatti, devia isso a ele por ter falhado miseravelmente em sua missão e em manter a máscara. Tinha que ser punido. Olhou mais uma vez em volta para analisar o ambiente, talvez pudesse conseguir ajuda ou ainda sair dali com vida.

_________________
George Trevisan
Carisma 3
Aparência 3
avatar
George Trevisan

Mensagens : 271
Data de inscrição : 26/08/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Narração - Ian Tokunaga

Mensagem  Narrador em Ter Mar 24, 2015 10:04 am

Ian, com dificuldades, chega até a margem. Suas roupas já não existiam, estava completamente nu e repleto de marcas de queimadura que doíam até a alma. O Tremere ouvia muitos barulhos na floresta, não sabia se eram grupos de animais ou de pessoas se movendo, muito menos em que direção.
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 5110
Data de inscrição : 27/01/2013
Idade : 33
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário http://segredosdoapocalipse.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ian Tokunaga

Mensagem  George Trevisan em Ter Mar 24, 2015 10:38 am

Graças à sua constituição privilegiada, Ian não perecera diante do míssil que o atingira em pleno ar. Estava completamente nu, já que as chamas tinham consumido suas vestes, e os ferimentos por queimadura eram tantos que ele poderia ser considerado um cadáver que fora incinerado. Dores das quais ele já sentira, somente no Rio de Janeiro, tomavam conta de todo seu corpo. Não poderia contar que estava se acostumando a isso, porque sentir dor não era algo agradável.

Começou a ouvir sons vindos de todos os lugares e de lugar nenhum. Era perceptível que sua audição e todas as outras funções de seu corpo estivessem muito comprometidas devido aos danos recebidos. O problema era que se fossem pessoas, poderiam ser inimigos. Ian tinha que se esconder o mais rápido possível. Qualquer ataque de qualquer fonte seria fatal para o oriental.

Usando de sua força de vontade o feiticeiro ignora seus ferimentos e tenta encontrar um local para se esconder.

OFF – usado 1 de fdv para ignorar ferimentos temporariamente.

_________________
George Trevisan
Carisma 3
Aparência 3
avatar
George Trevisan

Mensagens : 271
Data de inscrição : 26/08/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Narração - Ian Tokunaga

Mensagem  Narrador em Qua Mar 25, 2015 10:32 am

Ian consegue se esconder em uma mata fechada e nota que haviam grupos de soldados, armados, andando pelo Parque. Eles se dividiam em grupos com 4 a 5 soldados cada um. Usavam lanternas de luz vermelha e tinham metralhadoras prontas para o uso. Nenhum grupo passava próximo a Ian nesse momento, mas não tardariam a achá-lo se nada fosse feito.
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 5110
Data de inscrição : 27/01/2013
Idade : 33
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário http://segredosdoapocalipse.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ian Tokunaga

Mensagem  George Trevisan em Qui Mar 26, 2015 11:43 am

Tinha conseguido se esconder, mas por quanto tempo? Queria ter um pedaço de espelho ali para escapar com seu corpo incorpóreo, mas nem roupas ele possuía. Viu os grupos de soldados armados e com luzes vermelhas. Provavelmente estas luzes davam mais perceptividade para o olho humano e ele seria encontrado em pouco tempo. Era um pouco complicado saber quantas pessoas exatamente estavam presentes.

Tentaria se esconder ou deixaria ser capturado ou possivelmente morto? Ideias fervilhavam em sua mente enquanto que a dor quase infinita lhe tomava por inteiro. Sua força de vontade o salvaria por quanto tempo? Quase nenhum na verdade. Um ritual passa por sua cabeça e uma ação também, mas o ritual demoraria vinte minutos para ser concluído, o que era inviável no momento.

Ian observa o seu redor até encontrar uma pedra de tamanho razoável, uns cinquenta ou sessenta quilos. Assim que a identifica com o olhar ele, ainda escondido no meio da mata fechada, usa sua força de vontade para ignorar seus ferimentos e sente um momento de alívio nas dores. Faz uso da linha do Movimento da Mente, a mesma que o denunciara e o colocara naquela situação deplorável, e rapidamente levita a pedra a uns trinta centímetros de altura e lança com força total para a direção contrária a que os soldados avançavam, evitando acertar qualquer soldado e tentando chamar a atenção deles para que não fossem na direção de Ian. O tamanho da pedra e a velocidade poderia confundi-los e levá-los para longe de Ian, pelo menos por um tempo.

OFF – Usado 1 de fdv para ignorar ferimentos.
Usado Movimento da Mente em uma pedra/rocha qualquer para levar os soldados para longe.


_________________
George Trevisan
Carisma 3
Aparência 3
avatar
George Trevisan

Mensagens : 271
Data de inscrição : 26/08/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Narração - Ian Tokunaga

Mensagem  Narrador em Sex Mar 27, 2015 2:54 pm

O plano do Tremere funciona inicialmente. A pedra atinge alguns soldados e atrai o grupo para o lado oposto de onde estava o feiticeiro. Ian tinha ganho tempo, mas não muito.
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 5110
Data de inscrição : 27/01/2013
Idade : 33
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário http://segredosdoapocalipse.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ian

Mensagem  George Trevisan em Seg Mar 30, 2015 8:48 am

Ian já tinha feito tudo que estava ao seu alcance, pelo menos ao seu ver. Quando os soldados seguem para outra direção, aquela da qual a pedra foi arremessada, o Tremere sente-se aliviado. Mas tinha consciência de que a procura por ele não cessaria tão facilmente. Olhou em volta, e enquanto tentava aguentar a dor extrema em seu corpo ao mesmo tempo em que tentava raciocinar, pensou em se arrastar de volta à cachoeira e se esconder no fundo do pequeno volume de água que ela formava quando a queda d’água tocava o chão.

Poderia funcionar e também não funcionar. Aqueles binóculos com luzes vermelhas o denunciaria em breve. Sentindo dores em todo o seu corpo morto, que agora estava mais parecido com a pele de François Carlent, Ian vai se arrastando aos poucos enquanto engolia a dor. O movimento era lento e ele tentava fazer o mínimo de barulho possível. Se arrastava aos poucos de volta à cachoeira, tentando ficar fora de vista. A dor era tão grande que ele nem conseguia descrevê-la.

_________________
George Trevisan
Carisma 3
Aparência 3
avatar
George Trevisan

Mensagens : 271
Data de inscrição : 26/08/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Narração - Ian Tokunaga

Mensagem  Narrador em Seg Mar 30, 2015 9:22 am

'- Não, por aí não... por aqui...' - Diz uma voz que chama Ian para o lado oposto para o qual se dirigia. O Tremere não via o rosto, mas a voz masculina indicava que se tratava de um homem que o chamava.
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 5110
Data de inscrição : 27/01/2013
Idade : 33
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário http://segredosdoapocalipse.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ian

Mensagem  George Trevisan em Seg Mar 30, 2015 9:37 am

Assim que ele ouve a voz, um frio inimaginável passa através de sua espinha. Ele congela instantaneamente achando que era um dos soldados que o tinha encontrado. Não era possível ver a pessoa que falava com ele. Mas o Tremere tinha ignorado a voz do mortal dominado no aeroporto e agora não ignoraria uma segunda voz de ajuda.

Virou-se com muita dificuldade, primeiro tentando achar de quem era a voz, sem sucesso, e depois se arrastando aos poucos e com o máximo de cuidado para não fazer barulho na direção da qual lhe era indicado. Cada vez que ele tentava se mover era como se chamas tentassem consumi-lo ou como estivesse se arrastando em cima de brasas ou lava. A dor não cessava de jeito nenhum.

_________________
George Trevisan
Carisma 3
Aparência 3
avatar
George Trevisan

Mensagens : 271
Data de inscrição : 26/08/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Narração - Ian Tokunaga

Mensagem  Narrador em Seg Mar 30, 2015 4:21 pm

O caminho que Ian faz levava ele até o que parecia uma caverna em uma das montanhas da região. A Voz masculina parecia vir lá de dentro e dizia:

'- Entre... sem medo... sua única esperança está aqui...'

Era uma caverna que descia, com estalactites que pingavam e um clima muito úmido parecia um local muito intocado pelos homens, mesmo estando em um parque aberto à visitações.
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 5110
Data de inscrição : 27/01/2013
Idade : 33
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário http://segredosdoapocalipse.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [CAMPO GRANDE] Parque Municipal da Serra do Mendanha

Mensagem  George Trevisan em Seg Mar 30, 2015 4:54 pm

E ele tinha opção de ir contra a voz? Se fosse na outra direção ele seria pego pelos soldados e se arrastasse caverna adentro qual tipo de monstro estaria o esperando? Se arrastava aos poucos, como a um moribundo completamente queimado. Ian achava que não sentia mais medo até ver aquela escuridão no aeroporto. A decadência de sua humanidade mostrava que o medo não desaparecia ao passo que sua humanidade também diminuía.

Gemeu de dor quando um galho arrancou um pedaço de sua perna. Uma pedra também cortou a carne de seu braço, carne esta que estava completamente queimada pelo maldito míssil que o atingira no ar. Não poderia esperar ajuda da Camarilla, deveriam pensar que ele estava em pedaços. Olhou dentro da caverna e nada viu de verdade, apenas algumas estalactites úmidas. A voz vinha lá de dentro, aparentemente.

Continuou se arrastando com dores em todas as suas células. Se sobrevivesse de alguma forma iria pesquisar o desligamento de seus nervos da dor. Seu objetivo era a caverna e talvez sua segurança.

_________________
George Trevisan
Carisma 3
Aparência 3
avatar
George Trevisan

Mensagens : 271
Data de inscrição : 26/08/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Narração - Ian Tokunaga

Mensagem  Narrador em Ter Mar 31, 2015 9:18 am

Descendo caverna abaixo, Ian ia sentindo cada vez o local ficar mais quente e úmido. O chão era de terra batida e pedras e as estalactites gotejavam cada vez com maior frequência. Depois de rastejar por um bom tempo, Ian se depara com uma câmara extremamente quente e úmida, tomada por uma fumaça vermelha que lhe permitia enxergar apenas a silhueta à sua frente:

'- Queres sobreviver, Ian Tokunaga? Até onde estaria disposto a ir para manter a sua preciosa vida?'

Era a mesma voz que falava antes.


avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 5110
Data de inscrição : 27/01/2013
Idade : 33
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário http://segredosdoapocalipse.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ian - Demônio ???

Mensagem  George Trevisan em Ter Mar 31, 2015 10:53 am

Por mais difícil que fosse se arrastar completamente queimado caverna abaixo, Ian sentia que ficava seguro. Na verdade isso poderia ser um pensamento errôneo, mas sabia em seu íntimo que os soldados não o encontrariam mais. Poderia ficar semanas dentro daquela caverna enquanto se curava para depois reaparecer e se reportar ao Regente e Primógeno Lupinatti.

Ao passo que avançava sentia um calor cada vez maior e o local se assemelhava a uma sauna. Suas queimaduras doíam muito por causa do calor e da umidade. Entraria em chamas? O tempo se rastejando parece durar uma eternidade da qual Ian não poderia mensurar de forma nenhuma. As dores não o deixavam raciocinar direito e seu raciocínio estava cada vez mais turvo. Assim que chega em um local onde conseguia ver apenas a silhueta de um ser com asas e um chifre saindo das costas envolto em fumaça vermelha, o Tremere cessa seu parco movimento.

A voz já conhecida tanto do aeroporto quanto da entrada da caverna ecoa na mente do Tremere. Não pensa duas vezes antes de responder, já que seu instinto de sobrevivência falava mais alto em situações como aquela:

-Para sobreviver.....argggh.....estou disposto a ir até ao.....Inferno se for preciso.

Suas palavras eram lentas, entrecortadas por gemidos de dor. E Ian realmente estava disposto a qualquer coisa. Mas seu laço com os Tremere o fazia lembrar que ele precisava ser punido por Lupinatti se o cainita se recuperasse de seus ferimentos.

_________________
George Trevisan
Carisma 3
Aparência 3
avatar
George Trevisan

Mensagens : 271
Data de inscrição : 26/08/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Narração - Ian Tokunaga

Mensagem  Narrador em Qua Abr 01, 2015 10:28 am

'- Não será preciso tanto...' - responde o Demônio que começa a caminhar mais para perto de Ian.

O ser abissal segue falando:


'- Mas estarás disposto a renegar a si mesmo, a seu nome, a seu rosto, a seu passado, a sua história e a suas convicações para começar uma nova vida de servidão ao seu novo senhor? Estás pronto para se libertar de todas as correntes e evoluir para ser um peão na grande engrenagem que define o futuro do mundo que conheces, Ian Tokunaga, vampiro do Clã Tremere?
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 5110
Data de inscrição : 27/01/2013
Idade : 33
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário http://segredosdoapocalipse.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ian - Demônio

Mensagem  George Trevisan em Qua Abr 01, 2015 2:51 pm

Assim que o demônio vem em sua direção, Ian tem vontade de se virar e sair dali. Mas para onde iria? Para as garras dos soldados lá fora? Permaneceu de olhos atentos ao demônio enquanto as dores infernais em seu corpo persistiam como um sino batido incessantemente por um martelo.

-S....arghhh....sim. Estou.....

”Peão? Acredito que sei desempenhar muito bem este papel.”

-E minha ligação.....ao....Clã Tremere......ligação de sangue.....continuará existindo?

Sentia culpa ao falar do seu laço de sangue. Sabia plenamente que precisaria renegar seu nome, corpo e passado para continuar sobrevivendo. Mas pensar que a ligação sanguínea de seu sangue ainda lhe dava obrigações importantes, se ela não fosse quebrada, tudo poderia ser perdido. E havia uma forma de existir esta quebra de laço? Ouviu apenas rumores que mais pareciam contos de fadas. Era ligado ao círculo e nunca ouviu falar de alguém que conseguiu quebrar este tipo de ligação.

_________________
George Trevisan
Carisma 3
Aparência 3
avatar
George Trevisan

Mensagens : 271
Data de inscrição : 26/08/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Nahash - Ian Tokunaga

Mensagem  Narrador em Qui Abr 02, 2015 12:20 pm

Se aproximando cada vez mais, os ser demoníaco responde:

'- Então renuncie... renuncie ao que és, renuncie ao teu nome, ao teu sangue, ao teu destino... renuncie ao seu passado, ao seu presente e ao seu futuro... renuncie à sua humanidade... renuncie e entregue seu destino à seguir Nahash e trazer a escuridão eterna para esse mundo...'

Ian sentia uma forte energia incompreensível para ele tomando conta do lugar.
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 5110
Data de inscrição : 27/01/2013
Idade : 33
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário http://segredosdoapocalipse.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ian - Demônio

Mensagem  George Trevisan em Qui Abr 02, 2015 1:10 pm

Uma energia estranha começava a tomar conta do local enquanto o demônio, só podia ser um, pedia renúncias a seu nome. Ian então diz:

-Renego meu nome e meu passado...

Neste momento as lembranças de seu passado no orfanato, de seus estudos quando mortal e de seu senhor no momento de seu abraço e de seu treinamento aparecem como um flash em sua mente. Tinha muitas lembranças boas de sua vida passada e outra muito ruins. Sabia que agora era tarde demais para voltar atrás.

-Renuncio ao meu sangue, ao meu clã, ao meu destino.....

Os estudos na Capela lhe vêm à mente em uma torrente impressionante da qual ele nunca sentira antes enquanto as energias estranhas tomam conta daquela caverna.

-Renuncio a tudo ao que fui, a tudo o que sou e ao que seria e entrego minha vida, meu destino e meus serviços à Nahash para trazer escuridão eterna a este mundo doente e podre.

Renunciar a tudo que era ficava cada vez mais muito difícil e Ian sente que depois das palavras ditas, nada mais retornaria ao que era antes.

_________________
George Trevisan
Carisma 3
Aparência 3
avatar
George Trevisan

Mensagens : 271
Data de inscrição : 26/08/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Nahash - Ian Tokunaga

Mensagem  Narrador em Sex Abr 03, 2015 6:36 am

A dor era insuportável. Ian sentia sua carne se mexer sozinha enquanto sangue caia pelos orifícios do seu corpo. Era como se todo seu sangue saísse mas sem que o Tremere sentisse fome. Seu corpo se auto-molda, Ian não parecia em nada com Ian. Seu sangue ferve e quando para de ser expelido pelas extremidades, Ian não sentia mais laço com o clã. E quando Nahash toca a testa do feiticeiro, todas suas memórias passadas (exceto conhecimentos de disciplinas, perícias, qualidades e defeitos, sendo que alguns são moldados) são apagadas. Ian se tornava um servo das profundezas e tinha um único objetivo condutor: a Glória de Nahash e a abertura dos portais do inferno.

Nahash, mais afastado, olha para a criatura à sua frente e diz:

'- Renasceste pelas trevas, agora é hora de transformar esse mundo em seu lar. Assuma uma nova identidade, se reintegre à corte, corrompa aqueles à sua volta, sacrifique uma vida pura por noite em meu nome e aguarde instruções, servo...'

Ian não tinha mais humanidade, sentia agora que devia se dedicar a evoluir na Trilha das Revelações Malígnas. O Tremere também sente novos conhecimentos em sua mente, sentia-se parte do inferno e sabia que a ele devia servir. Ian Tokunaga não existia, nem seu rosto, nem sua voz, nem suas lembranças, o que existia era um devoto de Nahash pronto para agir e Nahash, a quem Ian não conseguia enxergar o rosto, dizia:


'- Camarilla, Anarquistas e Sabá... se infiltre em todos, saiba dos planos e corrompa suas almas. Nosso destino é grande e não podemos falhar... construa um templo em meu louvor e ganhe seguidores para nossa causa, acabe com a humanidade e os prepare para um encontro comigo e eu farei com eles o mesmo que fiz contigo...'
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 5110
Data de inscrição : 27/01/2013
Idade : 33
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário http://segredosdoapocalipse.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

George - Nahash

Mensagem  George Trevisan em Seg Abr 06, 2015 8:38 am

Já não bastasse a dor pelos ferimentos, uma dor mais excruciante que aquela tomava conta de seu corpo. Era como se alguma coisa estivesse moldando sua pele, músculos, ossos e sua mente. Alguém estava pegando seu corpo e torcia-o como a uma roupa molhada. O sangue caía no chão em vertentes cada vez maiores e Ian sentia que morreria ali. Após o processos doloroso, Ian era outra pessoa. Outro ser. Os Tremere não eram mais seus irmãos de clã. Ele era algo completamente diferente.

Exausto e arfando muito, ele ouve todas as palavras de Nahash. Após todas as palavras do seu novo senhor, Ian, que não era mais Ian e já tomara para si um novo nome, se levanta e sorrindo, diz:

-Farei o impossível para que tenhamos êxito, meu senhor.

George se ajoelha e reverencia Nahash de forma serviçal. Ideias já começavam a surgir na mente do novo ser criado a partir das trevas.

_________________
George Trevisan
Carisma 3
Aparência 3
avatar
George Trevisan

Mensagens : 271
Data de inscrição : 26/08/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Narração - George Trevisan

Mensagem  Narrador em Seg Abr 06, 2015 6:04 pm

O Demônio simplesmente desaparece no ar, deixando o novo George sozinho na gruta. Não haviam mais ferimentos e nem traços de humanidade.
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 5110
Data de inscrição : 27/01/2013
Idade : 33
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário http://segredosdoapocalipse.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

George

Mensagem  George Trevisan em Ter Abr 07, 2015 8:51 am

O novo ser criado a partir das trevas estava ali. George percebe o desaparecimento de Nahash talvez tarde demais. Tinha muitas perguntas sem respostas, mas não poderia perguntá-las agora. Sabia muitas coisas, mas nada muito antigo. Os acontecimentos recentes a respeito da FESN estavam em sua mente, mas pareciam ter sido contados por alguém a ele.

Ainda um pouco desnorteado, George olha em volta. Lembrou-se de soldados lá fora, mas não sabia o porquê estavam lá. Procuravam alguma coisa? Com certeza não era ele. Não havia mais dor e nenhuma sensação de que se importava com eles se suas cabeças explodissem. Até abriu um sorriso de satisfação quando pensou isso.

Voltou devagar até a entrada daquela caverna que entrou Ian e saiu George. Mesmo que ele não se lembrasse. Sempre foi George. Tentou permanecer escondido na entrada da caverna e observar o ambiente ao seu redor e para isso fez uso de uma de suas habilidades, mas estava mesmo ansioso por testar as suas novas habilidades.

OFF – Uso de Auspícios nível 1 – Sentidos Aguçados para perceber o ambiente ao seu redor.

_________________
George Trevisan
Carisma 3
Aparência 3
avatar
George Trevisan

Mensagens : 271
Data de inscrição : 26/08/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Narração - George Trevisan

Mensagem  Narrador em Ter Abr 07, 2015 9:27 am

O lado de fora da caverna estava diferente. Não haviam criaturas vivas ali, apenas cadáveres de animais e humanos espalhados por toda a parte. O Demônio havia deixado o caminho livre para George.
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 5110
Data de inscrição : 27/01/2013
Idade : 33
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário http://segredosdoapocalipse.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

George

Mensagem  George Trevisan em Ter Abr 07, 2015 10:53 am

O cainita percebe que seu senhor tinha deixado seu caminho livre e que ainda estava nu e que precisaria se vestir, se alimentar e encontrar um local seguro para fugir do sol, quando ele viesse ao amanhecer. Não precisava de seus sentidos aguçados agora e resolveu cessar sua ativação.

Se aproximou dos corpos e para não chamar atenção indesejada, resolveu tomar um pouco (dois pontos) de cada corpo presente até se sentir completamente saciado (total absorvido 13 pontos de sangue). Cada mordida era fechada com uma lambida. Não queria de jeito nenhum deixar pistas. Precisava de sua reserva de sangue cheia para ficar sem perigo de sentir fome por um tempo.

Depois de se alimentar, George despe um dos soldados, precisava se vestir de forma adequada e os uniformes ali não eram adequados, mas imaginava que roupas normais poderiam estar por baixo dos uniformes. Assim que encontrasse roupas comuns, se vestiria e desta vez sua procura passou a ser por armas de fogo menores. De preferência pistolas que poderiam ser escondidas por debaixo de suas roupas. Por alguma razão ele sabia que conseguir armas não era tão fácil quando deveria.

OFF - Absorveu um total de 13 pontos de sangue, na base de dois pontos para cada corpo para não secá-los.

_________________
George Trevisan
Carisma 3
Aparência 3
avatar
George Trevisan

Mensagens : 271
Data de inscrição : 26/08/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Narração - George Trevisan

Mensagem  Narrador em Qui Abr 09, 2015 9:44 am

As armas que George encontra com os homens eram estranhas. Todos eles tinham armas em seus corpos, pelo menos um fuzil e duas pistolas, mas o novo infernalista não teria como carregar todas, sem chamar atenção poderia levar no máximo 4 pistolas junto à seu corpo escondidas por baixo do uniforme. O curioso é que as armas pareciam ter um espaço para serem carregadas na energia e não tinham espaço para munição.
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 5110
Data de inscrição : 27/01/2013
Idade : 33
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário http://segredosdoapocalipse.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [CAMPO GRANDE] Parque Municipal da Serra do Mendanha

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 1 de 2 1, 2  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum