Casarão na Vila Militar

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Casarão na Vila Militar

Mensagem  Luís Alves em Ter Mar 04, 2014 4:32 pm



Na região Oeste do Rio de Janeiro encontra-se uma grande área cercada por muros, cercas elétricas, câmeras de vigilância e patrulha humana e animal 24h por dia. Trata-se da Vila Militar, praticamente um bairro cortado ao meio pela Av. Brasil com aproximadamente 13 mil habitantes.

Nesse Bairro convivem o novo e o obsoleto, o que há de bom e o que há de perverso, e o que convém para um militar ser completo. Prédios residenciais pré-moldados servem de abrigo às famílias de patentes mais baixas, campos de treinamento ao lado de instalações que abrigam refeitórios, stands de tiro, armazéns, salas de aula. Na Ala Norte do bairro, há ainda resquícios da arquitetura do século XIX, prédios outrora majestosos - agora em ruínas.

Em um desses casarões, uma obra começou. Alguém está reformando o antigo casarão. Tapumes o cercam, assim como um cheiro de ferrugem e foligem que se espalha pelo ar.


_________________
Luís Alves de Lima e Silva - Duque de Caxias
Aparência 5 - Sedutor
avatar
Luís Alves

Mensagens : 96
Data de inscrição : 04/09/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Enfim, lar

Mensagem  Luís Alves em Ter Mar 04, 2014 5:07 pm

Cães ladram conforme os sentinelas empurram por trás dos portões tapetes de pregos, os motores que rompem a inércia daqueles portões também fazem um barulho ensurdecedor. Luzes se ascendem nas janelas das casas conforme o comboio avança pelas vias do bairro.

A formação se altera, os blindados nem tem tempo de parar completamente e os homens bem treinados do general Heleno já estaão pisando no asfalto, tomando posições de defesa enquanto o segundo esquadrão assegura o perímetro.

Heleno já encontrava-se na porta do Casarão em reformas. Vestido com a mesma farda dos fuzileiros, sem identificação, Luís Alves retira a máscara ninja e os óculos protetores. Heleno faz continência, "à vontade homem" declara Luís. Sua voz acelerada até parecia que sofria da tensão de seus batimentos cardíacos - se ainda batesse um coração.

_ Entremos. Deixemos esses homens no perímetro. Precisamos inspecionar a casa e ligar para a central.

Os dois generais entram na casa em reformas, atravessam entulhes e material de construção, até chegarem em um aposento recém pintado, com conforto para uma reunião digna.

Sentados no sofá, Heleno serve a si uma dose de Gray Grouse e diz:

_ Meu senhor, a Ilha Fiscal foi atacada. O porto também sofreu. Não tenho notícias sobre baixas, mas não podemos descartar a possibilidade.

Luís Alves cruza as pernas em tom pensativo e fala em seu tom metálico habitual.

_ Mantenhamos o plano conforme traçado. Essa cidade não é para principiantes. Preciso saber quem mais controla as FAs. Mas seja cauteloso, use suas disciplinas com parcimônia e sem ostentação...

Luiz então olha para uma lareira virtual e vislumbra no reflexo do vidro a imagem de seu lacaio

_ Ou terei que puní-lo. Temos toda a eternidade para isso.

_________________
Luís Alves de Lima e Silva - Duque de Caxias
Aparência 5 - Sedutor
avatar
Luís Alves

Mensagens : 96
Data de inscrição : 04/09/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

CONTINUAÇÃO

Mensagem  Luís Alves em Ter Mar 04, 2014 6:02 pm

Heleno era um homem bel de meia idade mas com um vigor físico invejável a um atleta de vinte anos. Sua postura sempre ereta denunciava uma disciplina rígida e uma vida estressada.

Ao ouvir as ordens de seu senhor, Heleno se sente feliz por ser tão importante para o grande Duque de Caxias. Aprender com ele as táticas mais eficazes de combate era uma glória, uma honra que nenhum outro general na história do Brasil teria. Só ele.

Chegou a cogitar cometer algum deslize. Queria ser punido. Queria descobrir como era punir realmente de forma exemplar um subordinado. "É preciso servir para saber comandar", pensou.

Mas missão dada é missão cumprida. Voltou aos seus pensamentos mais objetivos.

_ Meu senhor, muitas movimentações foram feitas nas últimas noites em nosso pessoal. Precisarei de algum tempo para verificar com parcimônia de onde vem as ordens.

Luís Alves se levanta sem dizer palavra. Heleno pego de surpresa se coloca em riste de pronto. Luís apenas diz:

_ Faça o que é pra ser feito. Não quero perder o elemento surpresa. Ainda. Dispensado.

"Dispensado". Ele odiava aquela palavra. Era o fim de mais uma experiência inigualável.

_________________
Luís Alves de Lima e Silva - Duque de Caxias
Aparência 5 - Sedutor
avatar
Luís Alves

Mensagens : 96
Data de inscrição : 04/09/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Narração - Luís Alves

Mensagem  Narrador em Qua Mar 05, 2014 10:08 am

O telefone de Luís Alves começa a tocar, no identificador de chamadas havia o número de Jéssica Montecchio.
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 5110
Data de inscrição : 27/01/2013
Idade : 34
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário http://segredosdoapocalipse.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Luís Atende o telefone

Mensagem  Luís Alves em Qua Mar 05, 2014 12:26 pm

General Heleno deixa o casarão e é possível ouvir dois blindados perderem-se no sereno. Ao perceber que seu telefone toca, Alves identifica sua irmã Montecchio e atende:

"Boa noite, senhora Montecchio, Luís Alves ao seu comando"

O velho mantém o tom metálico sem, contudo, deixar de transparecer alguma preocupação. Um elisium incendiado pode significar notícias desagradáveis. Era preciso respeitar isso.

_________________
Luís Alves de Lima e Silva - Duque de Caxias
Aparência 5 - Sedutor
avatar
Luís Alves

Mensagens : 96
Data de inscrição : 04/09/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Jéssica Montecchio - Luís Alves

Mensagem  Narrador em Qua Mar 05, 2014 9:45 pm

A Ventrue responde ao Duque:

'- É muito bom falar com o senhor. Que bom que está bem. Acredito que já deve saber dos incidentes que temos pela cidade. Está em local seguro?'
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 5110
Data de inscrição : 27/01/2013
Idade : 34
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário http://segredosdoapocalipse.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Montecchio

Mensagem  Luís Alves em Qua Mar 05, 2014 11:05 pm

Luis Alves olha pelos arredores, ouve o latido dos cães de guarda e responde:

_ No lugar mais seguro possível. Estou a par dos incidentes pela imprensa, mas à disposição do clã.

_________________
Luís Alves de Lima e Silva - Duque de Caxias
Aparência 5 - Sedutor
avatar
Luís Alves

Mensagens : 96
Data de inscrição : 04/09/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Jéssica Montecchio - Luís Alves

Mensagem  Narrador em Qui Mar 06, 2014 12:18 pm

Jéssica responde de imediato:

'- Muito bom ouvir isso. Nós tivemos uma reunião do Diretório hoje cedo, não consegui ainda falar com nossa Praetor e nem nosso Primógeno, mas a queda do Sr. Kennedy está confirmada e recebi uma mensagem convidando a uma reunião de urgência na Capela Tremere. Ainda não falei com os outros, mas acredito que precisamos nos fazer presentes.'
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 5110
Data de inscrição : 27/01/2013
Idade : 34
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário http://segredosdoapocalipse.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Surpreso, Luís responde a Montecchio

Mensagem  Luís Alves em Qui Mar 06, 2014 12:48 pm

_ Pelas barbas do imperador... me diga onde está a senhora que mandarei ajuda imediatamente...

A surpresa foi tamanha que o velho militar só pensava em segurança. "macacos me mordam, minhas apostas colocavam Kennedy no final da fila" ...

Subitamente as palavras de Montecchio ecoaram novamente em sua mente: "... primógeno..."

_ Desculpe, senhora, eu ouvi primógeno?

_________________
Luís Alves de Lima e Silva - Duque de Caxias
Aparência 5 - Sedutor
avatar
Luís Alves

Mensagens : 96
Data de inscrição : 04/09/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Jéssica Montecchio - Luís Alves

Mensagem  Narrador em Qui Mar 06, 2014 1:18 pm

Jéssica responde para Luís:

'- Não se preocupe, eu estou segura. Meus domínios são bem protegidos.'

Uma pausa ante a nova pergunta de Luís e Jéssica comenta:


'- Sim, temos um Primógeno e uma Praetor. Decididos isso na primeira reunião do Diretório, no começo dessa noite. Não sei se o senhor chegou a conhecer o Sr. Boaventura na noite passada...'
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 5110
Data de inscrição : 27/01/2013
Idade : 34
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário http://segredosdoapocalipse.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Boaventura

Mensagem  Luís Alves em Qui Mar 06, 2014 2:12 pm

Luís da um suspiro aliviado ao telefone. Boaventura era seu candidato a príncipe.

_ Fico feliz que o clã tenha feito uma escolha tão sábia. Onde encontro a senhora?

_________________
Luís Alves de Lima e Silva - Duque de Caxias
Aparência 5 - Sedutor
avatar
Luís Alves

Mensagens : 96
Data de inscrição : 04/09/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Jéssica Montecchio - Luís Alves

Mensagem  Narrador em Qui Mar 06, 2014 3:43 pm

A Ventrue responde:

'- Eu estou no Leblon, nosso destino é em Vargem Grande. O Senhor se encontra por onde?'
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 5110
Data de inscrição : 27/01/2013
Idade : 34
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário http://segredosdoapocalipse.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Montecchio

Mensagem  Luís Alves em Qui Mar 06, 2014 4:12 pm

_ Estou na cidade. Mas por motivos de segurança, prefiro continuar essa conversa ao vivo. Onde nos encontramos?

Alves retorna ao seu tom metálico habitual, a linha telefônica não era segura e ele não sabia se podia confiar em Jéssica ou se ela estava em situação segura o suficiente para revelar sua localização.

_________________
Luís Alves de Lima e Silva - Duque de Caxias
Aparência 5 - Sedutor
avatar
Luís Alves

Mensagens : 96
Data de inscrição : 04/09/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Jéssica Montecchio - Luís Alves

Mensagem  Narrador em Sex Mar 07, 2014 9:17 am

'- Eu vou lhe enviar o endereço de uma das minhas residências na Barra da Tijuca, pode me encontrar por lá. A segurança é garantida e de lá podemos seguir para a Capela Tremere assim que tiver uma resposta dos outros membros do nosso Clã.' - Diz em tom calmo, Jéssica.
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 5110
Data de inscrição : 27/01/2013
Idade : 34
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário http://segredosdoapocalipse.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ahhh Montechhio

Mensagem  Luís Alves em Sex Mar 07, 2014 10:28 am

Luís Alves anota o endereço enquanto Jéssica soletra os nomes das ruas. O que exatamente Jéssica desejava na Capela tremere? Alves não sabia, mas queria descobrir onde os feiticeiros guardavam seus truques.

_ Perfeito.. sim... anotei tudo. Estarei aí em alguns minutos. Não me espere por mais de uma hora. Boa noite e se Caim permitir, até daqui a pouco.

Luís espera Montecchio se despedir e educadamente desliga o celular quando é dado o fim da conversa. Estava na hora de movimentar as tropas. Queria saber se alguém o estava farejando, e onde existiam olhos. Luís Alves manda um SMS para Heleno:

"Reunião de cúpula no PDC. Prepare segurança e acomodações para  15 pessoas. Quero você longe de lá. Coloque o Miguel e uma equipe com armamento pesado. Munição incendiária. Tática: exercício de treinamento para eventos diplomáticos. Mobilize homens"

Enviada a mensagem, Luís que conhecia a cidade como a palma da mão, concentrou-se no local do encontro e ativou o poder da Clarividência.

_________________
Luís Alves de Lima e Silva - Duque de Caxias
Aparência 5 - Sedutor
avatar
Luís Alves

Mensagens : 96
Data de inscrição : 04/09/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Narração - Luís Alves

Mensagem  Narrador em Sab Mar 08, 2014 8:54 am

Com o uso do poder da clarividência, Luís Alves nota uma grande movimentação em um casarão ao fim de um condomínio. As outras casas também pareciam movimentadas. Havia um homem alto de terno com fino corte italiano orientando as movimentações e falando em um walk-talkie, talvez fosse o chefe da operação que acontecia ali.

O Ventrue, no entanto, é interrompido de sua concentração pelo seu celular que acusa uma mensagem que dizia "Impossível. Já estamos em reunião no escritório da Sra. Thompson, fomos chamados em caráter de urgência". Dora Thompson era a Secretária Executiva do Ministério da Defesa, que despachava do Rio de Janeiro desde os incidentes da noite anterior.


Última edição por Admin em Sab Mar 08, 2014 9:56 am, editado 1 vez(es)
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 5110
Data de inscrição : 27/01/2013
Idade : 34
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário http://segredosdoapocalipse.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Uma tartaruga atrás da orelha

Mensagem  Luís Alves em Sab Mar 08, 2014 9:43 am

"Tome cuidado com ela. Não se revele, não chame atenção sobre si. Fique atento. Câmbio desligo" - Luís respondeu com preocupação ao SMS de seu lacaio.

Sacou seu telefone e, intrigado, ligou para Boaventura. O primógeno de seu clã.

Truururur.... Trururur...

_________________
Luís Alves de Lima e Silva - Duque de Caxias
Aparência 5 - Sedutor
avatar
Luís Alves

Mensagens : 96
Data de inscrição : 04/09/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Enquanto isso

Mensagem  Luís Alves em Seg Mar 10, 2014 10:38 am

Enquanto conversava ao telefone com Lucas Boaventura, Luís Alves se dirigia ao seu equipamento. Com o celular pressionado entre o ombro e a orelha, colocou a pistola com munição incendiária no coldre, o espadim de prata conquistado de um general durante a Guerra do Paraguai, a toca ninja que tinha deixado em cima da mesinha de centro e os óculos de proteção num mesmo monte. Jogou então os equipamentos e a farda camuflada em uma mochila do exército, trocou suas roupas por um terno de corte italiano que comprara há 30 anos atrás.

Sentindo-se alinhado com a moda contemporânea, entrou na garagem do Casarão onde encontrava-se sua blazer blindada.



Ao passar pelos seguranças de seu refúgio, colocou uma mão no bocal do celular para que não fosse ouvido por boaventura e chamou seus dois lacaios que faziam a segurança local.

"Miguel, você vai dirigir. Jobson, você vem no banco de trás comigo."

_________________
Luís Alves de Lima e Silva - Duque de Caxias
Aparência 5 - Sedutor
avatar
Luís Alves

Mensagens : 96
Data de inscrição : 04/09/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

De volta à estrada

Mensagem  Luís Alves em Qua Mar 12, 2014 3:05 pm

Lucas Boaventura era um ventrue digno. Luís gostava de quem lhe aparentasse jovialidade e segurança, isso lhe fazia lembrar dos tentes que o salvaram nas batalhas que lutou, e dos amigos que perdeu. Mesmo no momento mais tenso da batalha, um comandante precisa ser impávido como a bandeira.

Entrou no carro, colocou a mochila do exército no chão atrás do motorista e disse para Jobson:

_ Hoje talvez os dois tenham a chance de conhecer as maiores lideranças dessa cidade. Homens e mulheres que decidem os destinos da civilização. Vocês acabaram de entrar para a noite, mas não completamente. Somente os que fiam sua existência apenas à luz da lua através do sangue Ventrue podem se dirigir a esses dignatários. Nem mesmo olhar diretamente é recomendado, a menos que algum deles se dirija a vocês...

Miguel já tinha deixado a garagem, o carro blindado contava com um motor potente porém silencioso.

_ ... Nesse caso, vocês por algum motivo despertaram respeito suficiente para serem citados e, portanto, devem se comportar dignamente e fitar diretamente os olhos de seus interlocutores. Só respondam o que for perguntado e, SOMENTE SE - Luís Alves frisou bem essa parte - alguma pergunta seja feita diretamente a algum de vocês. De outro modo, sigam minhas instruções rigidamente e nenhum mal acontecerá.

Miguel, o motorista, e o mais jovem entre os três, ao perceber que Alves terminara sua explicação perguntou: _ E quais são nossas ordens, senhor?

_ Você, por ser o melhor motorista, ficará ao volante e estacionará o carro o mais próximo do estabelecimento. Mantenha a chave na ignição e o armamento em posição. Sua função será me levar e me tirar de lá. Em caso de sofrermos algum ataque, toda sua movimentação deverá ser no sentido de me resgatar e nos tirar para o mais longe possível.

Luís Alves olha para Jobson, com um olhar menos positivo, embora de aprovação - e completa:

_ Quanto ao Jobson, irá me escoltar até a entrada do estabelecimento. Sua função será dar cobertura a minha movimentação. Para isso trouxe em minha mochila munição incendiária e uma granada. Uma ÚNICA granada que deverá ser usada para nos dar tempo de fugir. Não estamos preparados para combater, mas devemos estar sempre preparados para recuar.

Jobson, ao perceber o tom de seu senhor, retruca:

_ Mas senhor, com todo respeito, se são homens e mulheres tão importantes, certamente estaremos acompanhados de outros seguranças e esquemas de defesa. O curso de ação não coopera com esse esquema, senhor.


Luís Alves coça o queixo por um instante, pensativo e perdido em suas memórias, nas imagens refletidas no vidro fosco de seu relógio apoiado sobre o ombral da porta.

_ Só dependa de quem depende de você.  

E o carro deixa a Vila Militar em direção à Barra da Tijuca.

_________________
Luís Alves de Lima e Silva - Duque de Caxias
Aparência 5 - Sedutor
avatar
Luís Alves

Mensagens : 96
Data de inscrição : 04/09/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Luís em casa

Mensagem  Luís Alves em Seg Abr 21, 2014 10:10 pm

O velho militar chega em seu refúgio e pede para que seus lacaios esperem até segunda ordem. Toma uma caneta e um papel e começa a escrever orientações para o dia. Ao terminar, chama seus dois lacaios e entrega para eles um memorando específico, com as ordens a serem cumpridas antes do anoitecer.

Depois retira-se para seu quarto e dorme.

_________________
Luís Alves de Lima e Silva - Duque de Caxias
Aparência 5 - Sedutor
avatar
Luís Alves

Mensagens : 96
Data de inscrição : 04/09/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Casarão na Vila Militar

Mensagem  Narrador em Qua Abr 23, 2014 7:58 am

avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 5110
Data de inscrição : 27/01/2013
Idade : 34
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário http://segredosdoapocalipse.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Acordando

Mensagem  Luís Alves em Qua Maio 21, 2014 7:59 am

Após um longo dia de sono, Luís Alves acorda animado. Muitas coisas o aguardavam naquela madrugada, uma nova príncipe e um novo clã inteiro para conhecer. Tomou um banho, alimentou-se com uma bolsa de sangue da geladeira. Não era a melhor maneira de fazer um desjejum, aquela noite até que merecia algo melhor. O velho militar aprendera a ser cauteloso na vida e na guerra, e seu maior inimigo era a besta. Não a besta que espreitava seu coração, essa era um animal selvagem que o saciava de vida miserável e sabor acre da conquista de poder. A besta que lhe preocupava era aquela que subitamente poderia tomar conta de seu corpo e dizimar qualquer traço de consciência, qualquer traço do que outrora fora o grande Duque de Caxias.

Pegou um telefone e discou para Jéssica Montecchio, precisava do contato de Linda, tinha uma apresentação pela frente.

_________________
Luís Alves de Lima e Silva - Duque de Caxias
Aparência 5 - Sedutor
avatar
Luís Alves

Mensagens : 96
Data de inscrição : 04/09/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

FIM DE TEMPORADA

Mensagem  Narrador em Qua Nov 19, 2014 7:45 am

A noite se encerra no Rio de Janeiro. Duas tempestades acabam por deixar milhares de mortos e desabrigados. Populações pobres sofrem como nunca sofreram com os fenômenos tropicais da cidade maravilhosa. O Exército e todas as polícias passam a ser coordenadas pelas Forças Especiais de Segurança Nacional depois de "organizações terroristas" matarem diversas lideranças políticas e empresários da cidade. Vereadores (mais da metade), Deputados (mais da metade da bancada federal e estadual do RJ), Desembargadores, Juízes, o Prefeito, o Governador e lideranças de variados setores da sociedade figuram entre os mortos. Líderes do tráfico e grandes nomes do crime também acabaram mortos . Foi uma noite e uma manhã de Caos. O clima é de insegurança total e com forte patrulhamento das forças policiais e do exército.

O Comitê Olímpico Internacional confirmou que os Jogos de 2016 continuam na cidade, mas exigem medidas rápidas para não reverem a decisão. O novo Governador e Prefeito Interino, o ex-Presidente do TJ-RJ Desembargador Henrique Castro, assume concomitantemente os postos com o discurso de convocar eleições no fim do ano e de cooperação com as Forças de Segurança Nacional. Faz um discurso pedindo para a cidade tomar o seu rumo normal e enfatiza que as medidas imediatas já iam refletir no dia a dia da sociedade.

Aquela noite tempestuosa mudou a cidade do Rio de Janeiro para todo o sempre. A Aliança Independente, organização com fins de ajudo mútuo que reúne os Ravnos, os Seguidores de Set e os Giovannis da cidade, declarou guerra aos lobisomens e colocou qualquer acordo de paz em risco. O Sabá já está pronto para, e sempre desejou, a Guerra. Os caçadores são atraídos pelos fatos e vão tentar limpar a cidade. O famoso "bando do Chuck", caçadores mercenários e temidos mundialmente, desembarcou no fim da tarde. Os demônios e infernalistas encontram o solo fértil para suas atividades no sopro de terror que tomou conta do Rio de Janeiro. A FESN, como representante dos interesses do Governo Federal também parte para a Guerra. Os Anarquistas se proliferam. A ordem é inexistente e forças ainda desconhecidas se movem nas sombras. Ou nem tão nas sombras assim.

Em meio a tudo isso, a Camarilla não tem opção. Ou vai à Guerra, ou cairá vítima dela. Os Garous sobreviventes, menos de um terço do efetivo anterior, lamberão suas feridas com sede de vingança. A cidade não é mais dos Lobisomens, a cidade não é da Camarilla. A cidade não é do Sabá, muito menos dos anarquistas. A cidade não é de ninguém, todos a reivindicam.

Todos estão em guerra. Todos são caça e caçador. A Guerra Civil começou.



Bem-Vindos à VII Temporada da Crônica Segredos do Apocalipse
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 5110
Data de inscrição : 27/01/2013
Idade : 34
Localização : Rio de Janeiro

Ver perfil do usuário http://segredosdoapocalipse.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Casarão na Vila Militar

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum